(Fonte da imagem: Reprodução/Grooveshark)

Somente um dia após ter retornado à loja Google Play, o aplicativo próprio do serviço Grooveshark foi novamente retirado do ar. O motivo por trás da atitude são os processos realizados por grandes gravadoras, que veem o sistema “Grooveshark Anywhere” como uma ameaça a seus lucros.

Isso faz com que a Google seja pressionada a remover softwares do tipo de seu sistema, como forma de evitar possíveis processos por incentivar o que muitas empresas consideram como algo ilegal. Atualmente, diversos aplicativos com o nome Grooveshark estão disponíveis no Google Play, alguns deles prometendo a possibilidade de realizar o download de arquivos MP3 hospedados na rede.

Download somente através do site oficial

No começo da semana, os administradores do serviço afirmaram que estão trabalhando junto com a Google para eliminar totalmente esses softwares não autorizados. Segundo eles, esse é um dos caminhos encontrados para permitir que seu aplicativo proprietário volte a fazer parte do Google Play — algo que parece não ter surtido muito efeito quando se leva em consideração a situação atual.

Apesar de não estar mais disponível na loja oficial da Google, o software ainda pode ser baixado por quem possui um aparelho Android. No entanto, para isso, é preciso antes acessar o site oficial do Grooveshark, que exibe em destaque o link para o download do programa.

Fonte: CNET

Cupons de desconto TecMundo: