A indústria da música está sempre procurando saber como agradar ao seu público, tudo para conseguir emplacar a próxima música ou banda de sucesso. Um estudo da Universidade de Emory, em Atlanta, na Geórgia, porém, vai muito além: os pesquisadores dizem que uma leitura das ondas cerebrais de adolescentes e jovens pode ajudar a prever o que vai virar um sucesso ou não.

Inicialmente, a pesquisa possuía outro foco, também relacionado à música, porém quando Gregory Berns, um dos pesquisadores, percebeu que muitas das canções que alcançaram uma boa resposta nos testes viraram hits, ele decidiu estudar uma possível relação entre as paradas de sucesso e as leituras cerebrais.

A leitura ocorre enquanto o jovem está ouvindo a uma determinada música nova e funciona, na realidade, como um filtro. Cerca de um terço das músicas que alcançaram uma grande resposta cerebral venderam posteriormente mais de 20.000 cópias, enquanto aproximadamente 90% das canções com baixa resposta venderam menos de 20.000.

Apesar de parecer ser uma boa ideia para a indústria da música, a pesquisa não é conclusiva, já que existe uma grande margem de erro, mas pode ser mais um guia para as gravadoras e produtoras que buscam emplacar um novo sucesso musical.

Cupons de desconto TecMundo: