A Corsair é muito conhecida por seus poderosos componentes de hardware, sendo que ela trabalha com peças dos mais variados tipos, o que inclui memórias, fontes de energia e outros tantos produtos.

Ocorre que a companhia vem abraçando novos segmentos, incluindo o ramo dos periféricos para gamers. Este ano, a empresa lança uma nova linha de periféricos da linha Vengeance para o jogador que busca o melhor desempenho em games.

Recentemente, a Corsair nos enviou três produtos: o mouse Vengeance M65, o teclado Vengeance K70 e o headset Vengeance 1500. Os novos gadgets seguem a linha de design dos antecessores, mas trazem algumas novidades que são muito bem-vindas. Vamos ver se estes periféricos têm tudo o que você precisa.

Mouse Corsair Vengeance M65: a mira perfeita!

Mouses para jogos geralmente trazem alguns botões extras e uma precisão elevada para garantir a melhor movimentação possível. Todavia, existem mouses específicos para cada gênero.

(Fonte da imagem: Tecmundo/Baixaki)

O Corsair Vengeance M65, por exemplo, é um componente que foi projetado para oferecer melhorias nos jogos de FPS. Ele traz sensor de 8.200 DPI, que garante rastreamento preciso para os jogadores que necessitam estar atentos a todo e qualquer movimento.

É claro que essa questão da precisão varia conforme o jogo, a configuração e o próprio jogador. Pensando nisso, a Corsair colocou na parte superior do mouse dois botões que facilitam a regulagem dos DPIs. É possível alternar entre três níveis, os quais podem ser configurados via software.

Outra vantagem desse mouse é o botão sniper, que fica posicionado ao lado esquerdo da carcaça. Ao pressionar o botão, a configuração DPI é reduzida para que a mira fique mais lenta e você possa ter maior precisão no tiro. No começo, é difícil se adaptar, mas esse recurso acaba se mostrando muito útil.

(Fonte da imagem: Tecmundo/Baixaki)

O Vengeance M65 ainda tem botões rápidos para avançar e retroceder durante a navegação na web, mas é claro que você pode configurar outras funções para eles.

Como todo mouse para jogatina, este modelo da Corsair também tem regulagem de pesos, que deixa o periférico mais confortável para o jogador (com os pesos inclusos, ele tem apenas 160 gramas). É um pouco complicado retirar os pesos na parte inferior, mas é preciso considerar que você não vai mexer nessa parte toda hora.

Algumas configurações deste mouse só podem ser efetuadas com o software próprio da Corsair, mas tudo é bem intuitivo e simples de usar. O cabo do produto é longo (tem quase 2 metros de comprimento) e devidamente revestido para evitar danos.

(Fonte da imagem: Tecmundo/Baixaki)

No fim das contas, apesar de ser adequado para games, ele pode ser excessivo para quem usa apenas o básico do computador. Quem joga pra valer nem vai se importar com o preço, que fica próximo dos 200 reais.

Teclado Corsair Vengeance K70: teclas especiais

O teclado Corsair Vengeance K70 foi feito para quem vive jogando, mas, assim como o mouse, ele é focado no jogador que curte um bom jogo de tiroteio. A principal vantagem deste teclado é a presença das teclas mecânicas Cherry MX Red.

(Fonte da imagem: Tecmundo/Baixaki)

É possível ativar múltiplos comandos em sequência com uma resposta imediata e sem ouvir muitos barulhos. Mesmo na hora da digitação, as teclas pressionadas fazem pouco ruído, pois não é preciso pressioná-las até o final.

Uma característica interessante deste teclado é a possibilidade de trocar as teclas comuns por outras especiais para os jogos. A Corsair manda os principais botões (para movimentação e troca de armas) com texturas e curvas específicas para você poder identificar rapidamente o layout e não perder tempo olhando para o teclado.

(Fonte da imagem: Tecmundo/Baixaki)

Além de funcional, o Corsair Vengeance K70 é muito bonito. O chassi imita alumínio escovado e atrás de cada tecla há um LED que deixa o visual ousado quando as luzes estão apagadas. Dá pra ligar a luz em apenas algumas teclas e controlar facilmente a intensidade dela. Para quem não gosta de iluminação, é possível desativar tal recurso.

Além de tudo isso, esse teclado tem controle de volume, teclas multimídia e hub USB. Na parte traseira, há uma chave de BIOS que garante a compatibilidade do produto com computadores mais antigos.

(Fonte da imagem: Tecmundo/Baixaki)

O Vengeance K70 é um pouco mais alto que outros periféricos, mas você se acostuma depois de algum tempo. O apoio que vem com o produto deixa a digitação muito confortável. Enfim, certamente é um teclado excelente em qualidade e funcionalidade. O único problema é que ele custa quase 600 reais.

Headset Corsair Vengeance 1500: alta qualidade sonora

Compatível com a tecnologia Surround 7.1, este acessório é perfeito para os jogos mais recentes que abusam dos múltiplos canais. Apesar de usar a virtualização de canais (o que significa que não há um alto-falante para cada canal), os resultados são satisfatórios.

(Fonte da imagem: Tecmundo/Baixaki)

Ao conectar o Vengeance 1500 ao PC, o sistema baixa e instala os drivers automaticamente, mas as funcionalidades adicionais (regulagem de canais, equalização e outras regulagens) só são acessíveis através do software próprio da Corsair.

Algo que nos agradou muito foi a qualidade de construção e os elementos utilizados para deixar o produto mais confortável. Há revestimentos e espumas nas partes plásticas, o que garante que o fone possa ser utilizado por muitas horas sem machucar as orelhas ou a cabeça.

(Fonte da imagem: Tecmundo/Baixaki)

A Corsair realmente caprichou ao projetar esse produto. A qualidade sonora é simplesmente incrível. O Vengeance 1500 não distorce absolutamente nada e apresenta alta fidelidade na reprodução de graves, médios e agudos.

Testamos o headset com arquivos WAV (1.411 kbps), MP3 (320 kbps) e AAC (259 kbps) para conferir todo o potencial do componente. Os alto-falantes de 50 milímetros instalados oferecem alta potência, sendo que é possível distinguir perfeitamente todos os elementos sonoros nas músicas.

A regulagem de volume no cabo do fone controla diretamente o sistema, o que é uma ideia muito boa. O único problema deste modelo é que ele só é compatível com computadores, já que tem somente conexão USB. O volume é bastante elevado, portanto é preciso tomar cuidado para não prejudicar a audição.

(Fonte da imagem: Tecmundo/Baixaki)

Você pode comprar este headset Corsair por aproximadamente 400 reais, o que é um valor bem investido para quem joga e precisa de um aparelho de áudio de qualidade. Entretanto, é preciso ter em mente que ele não tem sistema real de múltiplos canais.

Vale a pena

Como sempre, a Corsair conseguiu nos impressionar muito. O novo kit gamer da empresa é perfeito para quem quer ter vantagens nos jogos. O mouse é compra certa para quem curte FPS, já que ele oferece alta precisão e tem um botão dedicado para a mira.

O headset é um componente que surpreende pela alta qualidade sonora, sendo ideal tanto para games quanto para música. O teclado é muito bom, ainda mais por contar com teclas Cherry MX Red. Ele é uma ótima opção para quem realmente utilizará seus recursos.

Os preços dos novos periféricos da Corsair podem parecer um pouco salgados, mas eles estão dentro da média para produtos de alta qualidade. É preciso considerar que esses componentes não são voltados para tarefas do cotidiano, sendo que o investimento é muito válido para quem joga muito e precisa ter o mais alto desempenho.

Os produtos foram cedidos para análise pela Corsair.

Cupons de desconto TecMundo: