(Fonte da imagem: Reprodução/OlharDigital)

Hoje em dia, milhões de pessoas chegam às suas casas ou aos escritórios e começam a utilizar os seus computadores. No entanto, como você já deve ter imaginado, a situação nem sempre foi assim — afinal de contas, essas máquinas nem sempre estiveram disponíveis e também não funcionavam da maneira como estamos acostumados.

O mouse, por exemplo, era um dos periféricos que demoraram um tempo considerável para existirem. No entanto, nesta segunda-feira (9), o primeiro modelo deste tipo de produto comemora 45 anos de existência, sendo que ele foi um dos responsáveis por facilitar a utilização de computadores.

Um produto bem rústico...

Como explicou o pessoal do site Olhar Digital, o primeiro mouse ganhou este nome por conta do seu cabo, que lembrava o rabo de um rato. Além disso, ele consistia em uma peça de madeira retangular, com apenas um botão para ser pressionado e duas rodas para calcular a posição que vai ser utilizada pelo computador.

O responsável por essa invenção foi Douglas Engelbart, que trabalhava para a SRI — e por este motivo, nunca recebeu royalties pela sua criação. Depois de quatro anos de trabalho, no dia 9 de dezembro de 1968, o primeiro mouse chegou ao mercado, apesar de ele já contar com um concorrente.

E, caso você queira saber mais sobre os mouses atuais e as novidades que estão para surgir neste periférico em questão, basta clicar aqui.

Cupons de desconto TecMundo: