Rapaz machucado pela explosão de Motorola Droid

Fonte da imagem: Khou

O texano Aron Embry estava falando ao celular quando o incidente ocorreu. Ele relata que foi surpreendido por um barulho semelhante a um pequeno estouro após concluir uma ligação e logo em seguida percebeu que tinha sangue escorrendo em seu rosto.

Em pouco tempo o sangramento na orelha começou a se agravar e ele foi levado às pressas para o pronto socorro do Parklan Memorial Hospital. Aparentemente, o vidro na cobertura do Motorola Droid se partiu e o ferimento resultou em quatro pontos, mas felizmente o jovem não teve perda auditiva relacionada com o acidente.

O rapaz relata que havia comprado o smartphone há apenas dois dias. Mesmo após o ocorrido, o celular continuou funcionando e permaneceu com sua bateria intacta. A Motorola se pronunciou sobre o ocorrido no mesmo dia, indicando que se dirigiriram ao consumidor para investigar o acidente e suas causas.

O ferimento

Fonte da imagem: Khou

Já houve relatos de explosão de celulares anteriormente, inclusive com a morte de usuários. Entretanto, na maioria dos casos, o aparelho estava carregando durante a ocorrência, ao contrário do que aconteceu com Aron Embry.

Cupons de desconto TecMundo: