No passado, o principal aparelho da linha Moto era o Moto X. Com o intuito de ser o top de linha da Motorola, ela sempre contou com boas especificações e preço baixo. Em 2016, portanto, nenhum Moto X foi lançado e a empresa apresentou o Moto Z, novo aparelho modular que ocupou o lugar deixado pelo seu antecessor como top de linha da companhia.

Alguns rumores sobre o renascimento do Moto X surgiram na web este ano com vazamentos das possíveis especificações. Um vídeo lançado pela Motorola para celebrar os 44 anos da primeira chamada de voz pelo celular teria, inclusive, mostrado o design do aparelho.

Recentemente, os rumores ganharam força porque um novo vídeo que mostra parte de uma apresentação do aparelho foi disponibilizado na internet. De acordo com o filme de apenas 9 segundos, o aparelho não contará com o design modular introduzido pelo Moto Z. O vídeo parece legítimo e mostra alguns ângulos do corpo do aparelho exibido em um telão.

De acordo com novos vazamentos, as especificações seriam:

  • Certificação IP68 – resistência a água e a poeira
  • Display “3D Glass” de 5,5 polegadas
  • Processador Qualcomm Snapdragon 660 SoC
  • 4GB de RAM
  • 64GB de armazenamento
  • Bateria de 3,800mAh com carregamento rápido
  • Corpo de metal

Essas especificações diferem sutilmente das vazadas anteriormente e sugerem que o aparelho não chegará ao mercado para competir com outros flagships, já que o processador é intermediário. Provavelmente, a Lenovo trará o novo smartphone para figurar entre os intermediários premium.

Um diferencial do aparelho, de acordo com o próprio vídeo, seria uma “integração AI” (integração com inteligência artificial), mas nenhuma informação extra sobre esse detalhe foi dada.

Se os rumores se confirmarem, a dúvida que fica é a real intenção do aparelho nos negócios, já que as especificações são muito parecidas com as do Moto G5 Plus e do Moto Z Play. As principais diferenças para este último são um processador atualizado (Snapdragon 625 no Moto Z Play e Snapdragon 660 no Moto X), o acréscimo de 1 GB de ram no novo aparelho, além do aumento da capacidade de armazenamento e a citada integração com a inteligência artificial.

Não podemos negar, no entanto, que o nome tem força e traz saudade para diversos usuários que se sentiram órfãos no ano passado com a ausência de uma nova versão.

E você? O que acha do novo lançamento? Está ansioso ou acredita que o Moto X não deveria voltar? Conte pra nós aqui embaixo, nos comentários!

Cupons de desconto TecMundo: