Apesar do anúncio recente de que a Lenovo pode encerrar a produção da linha Moto E, quem tem o aparelho ganhou ao menos uma boa notícia nesta semana. Através do CyanogenMod 13, já é possível começar a usar os recursos oferecidos pelo Android 6.0 Marshmallow na primeira geração do smartphone de entrada.

Além do dispositivo da Motorola, a ROM alternativa também foi disponibilizada para o HTC One A9. No Moto E, o arquivo liberado na última segunda-feira (11) exige a transferência de 270 MB em dados, e é preciso saber lidar com o sistema de distribuições alternativas para poder instalá-lo.

Apesar de uma atualização oficial da Google ser disponibilizada para o HTC One A9, o Cyanogen surge como uma alternativa para quem faz questão de ter mais opções de personalização. A ROM para o aparelho exige a transferência de 394 MB em arquivos e traz como principal vantagem não depender da interface Sense para funcionar.

Preste atenção ao fato de que ambos os lançamentos se tratam de versões ainda um pouco instáveis, então é uma boa ideia fazer o backup de seus dados pessoais antes de instalá-las. Além disso, também é bom lembrar que o acesso aos aplicativos disponibilizadas pela Google só é possível caso você baixe o pacote adicional conhecido como gapps.

Você usa ROMs modificadas em seu dispositivo Android? Comente no Fórum do TecMundo

Cupons de desconto TecMundo: