Lime: marca de patinetes elétricos recebe US$ 500 milhões

1 min de leitura
Imagem de: Lime: marca de patinetes elétricos recebe US$ 500 milhões
Imagem: Lime
Avatar do autor

A empresa de patinetes elétricos Lime anunciou o recebimento de US$ 523 milhões em investimentos. O valor deve ser usado mais como um "empréstimo" para ajudar a empresa a se recuperar e quitar problemas financeiros que vieram não apenas em decorrência da pandemia da covid-19.

Segundo o site The Verge, os principais responsáveis pelo financiamento foram o Abu Dhabi Growth Fund, a Uber e o Fidelity Management & Research. A Lime não detalhou as taxas de pagamento futuro a esses parceiros ou como os acordos foram realizados.

Entretanto, ela citou que pretende de fato realizar uma oferta pública de ações em breve, ainda que não tenha divulgado a modalidade.

Crise

Após um início em alto ritmo com expansões que incluíram o Brasil, a Lime começou a apresentar problemas no início de 2020, antes do novo coronavírus ser considerado uma pandemia, fechando filiais pelo mundo e encerrando o aluguel de patinetes elétricos em diversos mercados.

As medidas de prevenção contra o avanço da pandemia prejudicou o setor e durou mais do que o esperado, mas a marca acredita que a modalidade de transporte será bastante procurada a partir de agora por ser uma forma saudável, sustentável e individual de deslocamento.

News de tecnologia e negócios Deixe seu melhor e-mail e welcome to the jungle.