Volkswagen revela plano para tornar carros elétricos mais baratos

2 min de leitura
Imagem de: Volkswagen revela plano para tornar carros elétricos mais baratos
Imagem: Volkswagen/Divulgação
Avatar do autor

O Grupo Volkswagen apresentou hoje (15) seu projeto de tecnologia para baterias e carregamento que deve ser implementado nos veículos elétricos da marca até 2030. O plano foi divulgado no Power Day, evento dedicado à mobilidade e às novidades de carros elétricos.

O projeto da empresa para os próximos anos tem o objetivo de reduzir a complexidade e o custo da bateria para tornar o carro elétrico mais atraente e viável para o maior número de pessoas possível. O plano conta com a busca por expansão da rede pública de carregamento rápido em todo o mundo. Para isso, a Volkswagen revelou que está cooperando com grandes empresas europeias de energia, como BP (Grã-Bretanha), Iberdrola (Espanha) e Enel (Itália).

Segundo o presidente do Conselho de Administração do Grupo Volkswagen, Herbert Diess, os carros elétricos são prioridade para a empresa atualmente. "Asseguramos uma pole position de longo prazo na corrida pela melhor bateria e melhor experiência do cliente na era da mobilidade com emissão zero", afirmou no Power Day.

VolkswagenAs informações foram divulgadas no Power Day, evento voltado para o setor de carros elétricos da Volkswagen (Fonte: InsideEvs/ Reprodução)Fonte: InsideEvs/Reprodução

Produção de células

A empresa divulgou que está trabalhando na produção de células de bateria para atender a alta demanda no continente europeu. A expectativa é ter seis fábricas de células em funcionamento na Europa até 2030. Segundo o líder do setor de tecnologia e membro do conselho de administração, Thomas Schmall, espera-se que as novas fábricas produzam células com um valor total de energia de 240 GWh por ano quando forem finalmente concluídas. “Nosso objetivo é reduzir o custo e a complexidade da bateria e, ao mesmo tempo, aumentar seu alcance e desempenho”, afirma.

O grupo também está se esforçando para conquistar avanços no sistema de bateria. Para isso, foi desenvolvida a chamada célula unificada. Ela permitirá que a empresa tenha um formato único para todos os veículos elétricos, ajudando a Volkswagen a atingir volumes de produção mais elevados e garantindo a venda por um valor mais acessível. A célula tem previsão de lançamento para 2023 e será instalada em 80% de todos os veículos Volkswagen até 2030. “Em média, reduzimos o custo dos sistemas de bateria para bem abaixo de € 100 (R$ 666, na conversão atual). Isso finalmente tornará a e-mobilidade acessível”, diz Thomas Schmall.

A Volkswagen também deve expandir a rede pública de carregamento na Europa, com mais de 18.000 pontos, nos Estados Unidos, com  3.500 novos pontos e na China, com 17.000 pontos até 2025.