Mercedes EQA: novo SUV compacto elétrico faz 480 km com uma carga

1 min de leitura
Imagem de: Mercedes EQA: novo SUV compacto elétrico faz 480 km com uma carga
Imagem: Mercedes-Benz/Divulgação
Avatar do autor

Iniciando a nova linha de elétricos, a Mercedes-Benz revelou o EQA 250. Baseado nos modelos GLA da montadora alemã, o SUV compacto tem motor elétrico de 190 cavalos de potência capaz de atingir 100 quilômetros por hora em 8,9 segundos.

Outro destaque é o conjunto de baterias de íons de lítio de 66,5 kWh, instalada na parte traseira do carro e que oferece autonomia de até 480 km com apenas uma carga.

O interior do EQA 250 tem dois displays com o sistema MBUX.O interior do EQA 250 tem dois displays com o sistema MBUX.Fonte:  Mercedes-Benz/Divulgação 

Em especial, o SUV EQA 250 tem o recurso de navegação com Inteligência Elétrica, tecnologia que ajuda a escolher o caminho mais rápido até o destino considerando o tempo de carga da bateria, os hábitos de direção do motorista e as condições externas.

Essas informações podem ser acompanhadas nas telas de bordo com o sistema MBUX. Além da opção com 2 displays de 7 polegadas para o painel de instrumento e tela da multimídia, há uma versão com monitores de 10,25 polegadas.

O Mercedes-Benz EQA 250 está previsto para chegar ao mercado europeu no segundo trimestre de 2021. Na Alemanha, o veículo elétrico será vendido a partir de 47.540 euros – cerca de R$ 310 mil na atual conversão.

O EQA usa a plataforma MFA2, a mesma estrutura dos modelos GLA.O EQA usa a plataforma MFA2, a mesma estrutura dos modelos GLA.Fonte:  Mercedes-Benz/Divulgação 

Estrutura do Mercedes-Benz GLA

Apesar dos atrativos, o chassi do EQA 250 é alvo de críticas dos especialistas, pois, como dito, ele é uma adaptação dos modelos GLA da Mercedes-Benz, com exceção de alguns componentes que foram trocados por causa de problemas de resistência ao ar. Mas, mesmo com melhorias na aerodinâmica, os esforços para tornar o modelo de SUV menos resistente ao fluxo de ar reduziram o seu arrasto, o que não é esperado em um carro elétrico.

Por fim, a plataforma MFA2 usada pela montadora alemã não foi projetada para elétricos, logo o espaço para passageiros e cargas foi reduzido para poder receber a grande bateria, deixando o porta-malas com capacidade de 340 litros.

Mercedes EQA: novo SUV compacto elétrico faz 480 km com uma carga