Tesla Semi terá 1.000 km de autonomia e 40 t de capacidade

1 min de leitura
Imagem de: Tesla Semi terá 1.000 km de autonomia e 40 t de capacidade
Imagem: Reprodução
Avatar do autor

Autonomia de 1.000 km com uma única carga na bateria, graças a uma nova tecnologia aplicada à bateria, e suporte a 40 toneladas são as novas características esperadas do Semi, caminhão elétrico da Tesla, anunciadas por Elon Musk – um belo aprimoramento, quando se considera que, em 2017, a expectativa era de que o veículo realizasse viagens de 480 a 800 quilômetros em média, "algo relativamente simples, trivial", aponta o bilionário.

Ainda de acordo com a segunda pessoa mais rica do mundo, enquanto protótipos eram testados, novas maneiras de melhorar o alcance da novidade foram encontradas. "Se você quiser, para caminhões de longo alcance, pode aumentar a autonomia facilmente até, pensamos, 800 km, e não descartamos, futuramente, 1.000 km para um caminhão pesado."

Quanto às toneladas citadas, são considerados, em conjunto, o peso do Semi e o que ele estiver transportando. Ou seja, dependendo do tamanho de seus componentes, menos produtos alocados e menos lucratividade. "Será possível equiparar a característica à de caminhões a diesel. Talvez tenhamos de abrir mão de menos de uma tonelada por enquanto, mas o objetivo a longo prazo é chegar ao potencial máximo", defende Musk.

Por fim, as novas células "4680" serão utilizadas nas baterias do Semi, assim como o design estrutural apresentado no Battery Day – que fornecerão cerca de 300 Wh/kg de densidade de energia, seis vezes mais energia e 16% mais alcance do que os atuais componentes da empresa.

Leia também:

News de tecnologia e negócios Deixei seu email aqui, e welcome to the Jungle.
Tesla Semi terá 1.000 km de autonomia e 40 t de capacidade