'Hackathon' quer criar conceito loja física para o pós-pandemia

1 min de leitura
Imagem de: 'Hackathon' quer criar conceito loja física para o pós-pandemia
Imagem: https://www.youtube.com/user/patiobatel
Avatar do autor

Um "hackathon de arquitetura" pretende lançar um novo conceito de loja física que esteja de acordo com as exigências de uma sociedade que vive em meio a uma pandemia e se adequando a medidas de restrições inter-relacionais. Uma loja-conceito já está sendo preparada para inauguração em Curitiba.

A loja, chamada de LABMODA STUDIO, é um projeto idealizado pelos organizadores do LABmoda, um evento anual e plataforma multicriativa que tem o propósito de divulgar a moda autoral do Brasil, principalmente a da capital paranaense.

Moda, inovação e responsabilidade social

Fonte: LABmoda/DivulgaçãoFonte: LABmoda/DivulgaçãoFonte:  LABmoda 

Ao invés de apenas reivindicar o direito de funcionamento, a LABMODA STUDIO quer criar novas oportunidades de interação no comércio. As oportunidades, aliás, já começam na própria concepção da loja.

Quem também faz parte do projeto é o Atelier 1901, que reúne arquitetos e urbanistas recém-formados de Curitiba. Supervisionados por escritórios de arquitetura da cidade, esses profissionais participarão de uma competição, onde deverão criar seu próprio conceito de loja inovadora. A proposta vencedora será a escolhida como modelo da nova loja de moda autoral do LABmoda.

Fonte: LABmoda/Pátio Batel/Nilton Russo/DivulgaçãoFonte: LABmoda/Pátio Batel/Nilton Russo/DivulgaçãoFonte:  LABmoda/Pátio Batel/Nilton Russo 

O LABMODA STUDIO será um projeto pioneiro, que vai incentivar e explorar a criatividade de profissionais locais recém-formados, na criação de um espaço com um novo formato varejo, focado em um contexto de transformação. Para isso, segundo Rafael Perry, idealizador do LABmoda, o projeto “vai buscar alternativas tecnológicas e seguras, que se adaptem a uma nova realidade de consumo”.

Atelier 1901. (Fonte: Atelier 1901/Eduardo Macarios/Divulgação)Atelier 1901. (Fonte: Atelier 1901/Eduardo Macarios/Divulgação)Fonte:  Atelier 1901/Eduardo Macarios 

Nas palavras de Ismael Zanardini, idealizador do Atelier 1901, o atual cenário de isolamento força pessoas inovadoras a ampliar as possibilidades de comércio. “Neste novo contexto, a loja física vai unir o real e o digital de uma forma que possa atender a novos padrões de consumo”, completou.

A melhor proposta será selecionada para execução do novo espaço em uma talk ao vivo, no dia 30 de julho. O lançamento do projeto pode ser conferido neste link, sendo que as próximas conversas e lives podem ser acompanhadas aqui.

Comentários

Conteúdo disponível somente online
'Hackathon' quer criar conceito loja física para o pós-pandemia