VW: 'estamos 10 anos atrás da Tesla, mas podemos alcançá-la'

1 min de leitura
Imagem de: VW: 'estamos 10 anos atrás da Tesla, mas podemos alcançá-la'
Avatar do autor

Além de serem mais ecológicos, carros elétricos vêm apresentando desempenho de vendas em constante crescimento, e a Volkswagen quer recuperar o tempo perdido em relação à concorrência. Nada de novo foi divulgado, mas declarações de figuras importantes da montadora dão sugestões de que a estratégia futura tem a ver com as conquistas da Tesla — que, recentemente, atingiu a marca de 1 milhão de carros fabricados.

"A Tesla é uma fabricante impressionante. É uma motivação para nós. Eles têm 10 anos a mais de experiência, mas somos rápidos o suficiente para alcançá-los", afirmou Thomas Ulbrich, membro do conselho de administração da marca e responsável pela linha de veículos elétricos da Volkswagen.

(Fonte: Pixabay)(Fonte: Pixabay)Fonte:  Pixabay 

Rendendo-se a tendências

Um programa de incentivos financeiros para ajudar revendedores a popularizarem veículos elétricos comercializados pela empresa foi anunciado há pouco tempo, em um movimento consistente com o objetivo de elevar a competitividade nesse mercado. Em 2019, as vendas da marca dedicada exclusivamente aos modelos foram elevadas em 60%, chegando a 80 mil carros, enquanto as do Grupo Volkswagen, mais amplo, aumentaram 80% (mais de 140 mil).

Quando se fala de concorrência, ainda que não se sabe se a empresa vai realmente alcançar a Tesla, mas a simples presença expressiva de uma marca tão difundida nesse cenário vai praticamente obrigar as rivais a investirem, também, em carros elétricos — o que, sabemos, é ótimo para o consumidor.

Comentários

Conteúdo disponível somente online
VW: 'estamos 10 anos atrás da Tesla, mas podemos alcançá-la'