Uber lança código PIN para combater assédio e condutores falsos

1 min de leitura
Imagem de: Uber lança código PIN para combater assédio e condutores falsos
Avatar do autor

A empresa de tecnologia de transportes Uber lançou a partir desta terça-feira (7) um novo recurso de segurança para motoristas e passageiros. Trata-se de um código PIN que confirma a corrida entre aquele usuário e o condutor que de fato aceitou a corrida.

O recurso foi anunciado oficialmente em novembro deste ano, inclusive em um evento no Brasil, e logo no mês seguinte teve os testes iniciados nos Estados Unidos e no Canadá. Agora, o recurso está oficialmente no ar nessas regiões e deve ser expandido para mais mercados em breve.

O funcionamento é bem simples: ao solicitar uma corrida, o usuário recebe um código numérico de quatro dígitos antes do motorista chegar. Quando o carro estaciona, preferencialmente antes de embarcar, você fala o código para o condutor, que deve digitá-lo no sistema para só então habilitar a corrida. Essa confirmação do sistema só acontece se o PIN correto foi inserido no celular de quem aceitou a viagem inicialmente — ou seja, não é só qualquer pessoa digitar uma sequência aleatória para tentar descolar um trajeto novo.

Esse recurso de segurança não será habilitado por padrão inicialmente. Caso esteja ligado, a corrida só começa depois que o motorista inserir o código. Essa é uma forma adicional de saber se você está no veículo certo, além de já ter confirmado visualmente placa do carro, modelo do automóvel e aparência do condutor.

O recurso é uma tentativa da Uber de reduzir os casos de assédio sexual e de falsos motoristas que se aproveitam de pessoas que estão em locais de alta movimentação esperando um carro de aplicativo.

Uber lança código PIN para combater assédio e condutores falsos