A Wing, divisão da Alphabet, anunciou ter conseguido aprovação da Federal Aviation Administration (FAA) para operar com seu negócio de entregas com drones dentro dos Estados Unidos. A ideia da empresa é começar a realizar os primeiros testes com entregas em território americano ainda em 2019. A Wing é a primeira empresa a receber essa aprovação dentro dos EUA.

A companhia da Alphabet revelou que deve trabalhar com a divisão da FAA especializada em voos não tripulados na região sudoeste do estado da Virginia fazendo testes nos próximos meses com seus drones. Em seguida, deve começar a realizar entregas para residentes e comércios de Blacksburg e Christianburg, também no estado da Virginia, para demonstrar a tecnologia e ter feedback do público.

Fonte: Wing Aviation/Reprodução

A Wing foi criada em 2014 dentro da Alphabet, empresa que tem como principal subsidiária o Google, com o intuito de realizar de entregas rápidas usando drones. A FAA deu a primeira autorização para a companhia operar em 2016 e, um tempo depois, testes foram feitos na Austrália. A Wing fez mais de 70 mil voos de teste e completou mais de 3 mil entregas no país. Em breve, o mesmo deve ser feito na Finlândia.

A ideia é que os drones possam entregar produtos e mantimentos, como remédios e comidas, sendo esse um dos objetivos principais da empresa. No seu blog oficial, a Wing mostra fotos de uma família recebendo o seu café da manhã de um drone, mostrando que essa pode ser uma das linhas de serviço da companhia.

Cupons de desconto TecMundo: