Em evento na cidade de São Paulo nesta terça-feira (21), o Waze inaugurou o funcionamento de seu mais novo aplicativo, o Waze Carpool, um serviço que vai organizar caronas diárias para ajudar a tirar carros das ruas e, consequentemente, diminuir um pouco o trânsito das grandes e médias cidades.

Na ocasião, tivemos a presença de Fábio Coelho, VP da Google e country diretor para o Brasil; Douglas Tokuno, head do Waze Carpool no Brasil; André Loureiro, lead regional LATAM e o CEO do Waze Noam Bardin. Os empresários explicaram os objetivos da marca com esse novo serviço e contaram como ele vai funcionar.

aNoam Bardin, CEO do Waze

Fim ao trânsito

O objetivo é diminuir esse número conectando pessoas que morem, trabalhem ou estudem próximas umas das outras

Com o intuito de solucionar em partes o problema de tráfego congestionado, a Waze pensou em uma solução que diminuísse o número de carros da rua, ao contrário do que aconteceu com os aplicativos de transporte privado, como Uber, 99 e outros, que, segundo algumas pesquisas, teria aumentado o número de veículos nas vias tirando usuários do transporte público.

A ideia aqui é compartilhar carros. O Brasil é um dos países que mais utilizam carros com apenas uma pessoa dentro no mundo todo; o objetivo é diminuir esse número conectando pessoas que morem, trabalhem ou estudem próximas umas das outras fazendo com que elas usem um número menor de veículos no deslocamento diário.

aDouglas Tokuno, head do Waze Carpool Brasil

Como funciona?

O aplicativo já está em funcionamento em todo o Brasil a partir dessa terça-feira (21) e para utilizá-lo você vai precisar apenas fazer o download do app e preencher seu perfil com seus dados. Algumas informações servem para você dar mais segurança aos usuários do serviço, seja para quem oferece a carona, seja para os próprios caroneiros. Você deve inserir uma foto sua recente e outros dados, que a empresa garantiu manter em total sigilo para a segurança das pessoas.

Um dos sistemas que visam dar mais segurança aos usuários da plataforma é a possibilidade de inserir um email corporativo – como o seu da empresa onde você trabalha ou da universidade onde estuda. Assim, você precisa validar esse endereço eletrônico e acaba mostrando mais um vínculo que pode atestar segurança para quem compartilha caronas com você. Você pode optar, nos filtros de procura de caronas, por visualizar apenas pessoas do mesmo gênero que você ou dessa mesma empresa com a qual se registrar no app.

aAndré Loureiro, lead regional LATAM, Noam Bardin, CEO do Waze e Douglas Tokuno, head do Waze Carpool no Brasil

Indo e voltando

Nas configurações do Waze Carpool você vai inserir os dados de sua rotina: que horas você sai para trabalhar ou estudar, mais ou menos? E que horas volta? É possível inserir um intervalo de tempo que é vantajoso para você partir e retornar de seu compromisso. Outros usuários que façam um percurso pelo menos muito parecido com o seu vão visualizar seu pedido e o app vai permitir que vocês entrem em contato para fechar a carona.

No primeiro mês de funcionamento da plataforma, as caronas vão ter um custo de apenas R$ 2 para os passageiros, como forma de atrair mais usuários para o aplicativo

Os valores com os quais o Waze Carpool está trabalhando variam de R$ 4 a R$ 25 e servem unicamente como uma mera ajuda de custo para o motorista que oferece a carona e um incentivo para que as pessoas compartilhem os assentos vazios de seus carros – não existe nenhum intuito de gerar receita por meio desse serviço, sendo, inclusive, impossível dar mais de duas caronas por dia.

No primeiro mês de funcionamento da plataforma, as caronas vão ter um custo de apenas R$ 2 para os passageiros, como forma de atrair mais usuários para o aplicativo. Os motoristas que oferecerem caronas vão receber o valor completo da corrida, tudo subsidiado pela Google, que é dona do Waze. Tudo é feito por meio de um cartão de crédito vinculado ao aplicativo – não há opção de pagamento com dinheiro ou débito.

O Waze Carpool já está disponível para ser baixado para Android e iOS em suas respectivas lojas online.