A Prefeitura do Rio de Janeiro tornará open source o seu aplicativo próprio de serviço de táxis, o Taxi.Rio. A plataforma tem a mesma função de serviços comerciais como Easy, 99, Uber e Cabify, mas com a diferença básica de que não cobra qualquer taxa dos motoristas pelas corridas realizadas por meio dele.

De acordo com Fábio Pimentel, presidente da IplanRio, a companhia municipal de tecnologia e informática, 14 outros municípios já demonstraram interesse em utilizar o aplicativo. Entre eles estão lugares como São Paulo (SP), Curitiba (PR), Recife (PE), Aracaju (SE), Campinas (SP) e Erechim (RS).

App municipal de táxi do Rio de Janeiro já começa a reunir cadastros  de motoristas interessados em participar da iniciativa

Atualmente, o Taxi.Rio está em fase de cadastro, depois de passar dois meses em testes sendo utilizado por 500 pessoas. Motoristas interessados em fazer parte da iniciativa devem ir até à página oficial do aplicativo para realizar um cadastro. O teste-piloto acontecerá na primeira semana de setembro e a previsão de estreia oficial do app está marcada para a segunda semana do mesmo mês.