O mercado de mini PCs parece andar bem aquecido e tem se mostrado atrativo tanto para o público de aficionados por tecnologia quanto para as fabricantes de hardware. Ainda que tenha falado pouco sobre o produto voltado para consumidores mais exigente durante a sua participação na CES 2016, a Intel escolheu a GDC como o palco ideal para revelar mais detalhes de seu novo NUC – que traz um visual arrojado e belas especificações.

Embora a companhia tenha escolhido o código NUC6i7KYK para representar o novo modelo de PC compacto, seu nome de batismo é bem mais bacana e dá a base para o design da peça: Skull Canyon. Fugindo do formato tradicional dos itens desse segmento – mais sóbrios e no formato de caixa –, o dispositivo recém-anunciado da Intel apresenta um módulo mais largo e fino, com 216 mm de largura, 116 mm de profundidade e pouco mais de 20 mm de altura.

Visual arrojado escolhido pela Intel para o seu novo NUC.

O aspecto exterior do NUC é complementado por uma textura hexagonal que ocupa metade da carcaça metálica – além de também ser tema para as saídas de ar no kit –, enquanto a outra porção ostenta a gravação de um crânio tecnológico cheio de estilo. Quem não curtir muito a caveira e preferir algo mais sério, pode trocar a peça por uma versão fosca e lisa que deve acompanhar o pacote. Adicionalmente, a ideia é que você possa comprar tampas produzidas por terceiros para customizar o brinquedinho.

Tudo do bom e do melhor

Claro que, embora a aparência do PC seja importante para um equipamento portátil como esse, são as peças em seu interior que indicam se o produto vale realmente a pena. Bem, parece que nesse ponto, a Intel não brincou em serviço e fez questão de ocupar o espaço limitado com opções robustas de hardware. Os destaques ficam por conta do processador Skylake Core i7-6770HQ – rodando a 2,6 GHz (ou 3,5 GHz no modo Turbo) –, da GPU Iris Pro 580 e do suporte a um grande número de recursos e entradas de alta qualidade.

Além das funções mais tradicionais – como Bluetooth e portas para fone, cartão SD e rede Gigabit –, o Skull Canyon traz Wi-Fi 802.11ac, possui um sensor infravermelho e oferece suporte a memórias DDR4 e SSDs nos formatos M.2 SATA e PCI Express. Na hora de plugar o gadget em outros dispositivos, o NUC disponibiliza conexões DisplayPort 1.2, HDMI 2.0 – que possibilita reprodução de conteúdo protegido com a tecnologia HDCP 2.2 – e até a poderosa Thunderbolt 3, que pode abrir as portas para a transformação em um computador gamer.

Assim como outros NUC, o kit básico não conta com diversas das peças que dão vida ao conjunto, como RAM, sistema operacional e armazenamento

Por enquanto, o item só vai estar disponível nos EUA, com a loja virtual Newegg sendo a primeira a disponibilizar o produto a partir do mês de abril – com os envios programados pare serem iniciados em maio. Vale lembrar que, assim como outros NUC, o kit básico não conta com diversas das peças que dão vida ao conjunto, como RAM, sistema operacional e armazenamento.

Enquanto a expectativa é que essa versão saia por cerca de US$ 650 (R$ 2,4 mil) para o público norte-americano, uma edição com boas configurações, pronta para ser usada, deve acabar custando por volta de US$ 1 mil (pouco menos de 3,7 mil). De acordo com a Intel, esse último pacote inclui a adição de 16 GB de memória RAM, um SSD de 256 GB e a instalação prévia do Windows 10. E aí, acha que dá para encarar esse tipo de investimento caso o PC compacto chegue ao Brasil?

Você acha que os NUC um dia vão ter preços competitivos no mercado brasileiro? Comente no Fórum do TecMundo!

Cupons de desconto TecMundo: