American Horror Story 10x3: personagens têm sede de sangue (spoilers)

Imagem de: American Horror Story 10x3: personagens têm sede de sangue (spoilers)
Imagem: FX/Reprodução

ATENÇÃO, SPOILERS À FRENTE!

Na última quarta-feira (01), os espectadores puderam conferir um novo episódio para a 10ª temporada de American Horror Story. A série antológica de Ryan Murphy apresentou ao público uma narrativa verdadeiramente arrepiante e repleta de mistérios. Com personagens dúbios, a trama mostrou como uma família foi se modificando aos poucos por conta de seu patriarca, o escritor Harry Gardner (Finn Wittrock).

Conforme visto na semana passada, ele foi induzido, por Belle Noir (Frances Conroy) e Austin Sommers (Evan Peters), a ingerir pílulas aparentemente mágicas, que lhe ajudariam em seu bloqueio criativo. Entretanto, nada saiu como o esperado e, até mesmo sua filha, Alma (Ryan Kiera Armstrong), consumiu essa nova droga, modificando completamente sua normalidade.

Portanto, saiba tudo sobre o terceiro episódio da 10ª temporada de American Horror Story com o nosso recap!

(FX/Reprodução)(FX/Reprodução)Fonte:  FX 

AHS: Double Feature segue surpreendendo os espectadores com personagens controversos

No final do segundo episódio, o público se assustou com a nova condição de Alma, que agora estava sedenta por sangue e disposta a fazer de tudo para conseguir mais. Ao que tudo indica, a pílula preta da dupla Austin e Belle suga toda a energia de quem a consumir, transformando-os em novas espécies de vampiros — tendo em vista que apenas o sangue humano pode revigorá-los.

Nesse sentido, o intitulado “Thirst” (Sede, em uma tradução livre), pai e filha estão tentando lidar com seus instintos, buscando meios alternativos de conseguirem mais sangue sem que ninguém perceba o que esteja acontecendo de diferente com ambos. A Chefe Burleson (Adina Porter), no entanto, percebeu que havia algo de estranho com Alma. Harry, contudo, prometeu que observaria sua filha mais de perto, garantindo que nada de ruim acontecesse com ela.

Mas a jovem está completamente modificada, sugerindo até mesmo que os dois se livrem de sua mãe, Doris (Lily Rabe). Para saciar essa sede gigantesca por sangue, os dois saem em busca de vítimas. A primeira delas é um homem que vende drogas em um beco estranho. Mas ele estava acompanhado e isso surpreende Harry. Apesar disso, pai e filha conseguem finalmente seu jantar após vencerem o confronto.

O que modifica completamente a narrativa sangrenta do episódio é a chegada da agente de Harry, Ursula (Leslie Grossman), à cidadezinha praiana que o escritor foi morar com sua família. Ao encontrá-lo, ela comenta que Quentin Tarantino está interessado em seus serviços para colaborar com os roteiros de uma nova série. Como Harry está visivelmente diferente, Ursula pensa sobre o que estaria acontecendo.

(FX/Reprodução)(FX/Reprodução)Fonte:  FX 

A personagem então se dirige ao bar favorito de Belle e Austin. Por lá, a executiva conhece Mickey (Macaulay Culkin), protagonizando uma discussão calorosa com ele. Apesar disso, o rapaz consegue ajudá-la a se encontrar com O Químico (Angelica Ross). Porém, essa figura um tanto quanto bizarra exige que Belle e Austin se livrem de todos que estejam causando problemas ao seus negócios, o que inclui Mickey, Ursula, Alma, Harry e Doris.

O episódio termina com Alma matando Burleson com uma faca bastante afiada, enquanto Harry visitava Doris no hospital e Ursula cuidava da criança. O que será que vai acontecer? Não perca!

AHS retorna na próxima semana com um novo episódio igualmente assustador!