Crunchyroll: streaming de animes atinge 5 milhões de assinantes

Imagem de: Crunchyroll: streaming de animes atinge 5 milhões de assinantes
Imagem: Crunchyroll/Reprodução

Recentemente, o streaming de animes Crunchyroll anunciou que atingiu um recorde histórico de 5 milhões de assinantes, além de mais 120 milhões de usuários registrados em sua plataforma.

Os dados são referentes ao número de pessoas que pagam para utilizar o serviço com todas as vantagens que ele oferece, além daqueles que utilizam o streaming para assistir seus conteúdos gratuitamente —  com propagandas espalhadas pelos episódios dos animes.

Vale destacar que a empresa havia anunciado cerca de seis meses atrás que já tinha 4 milhões de assinantes. Dessa forma, esses fatores indicam que a plataforma teve uma taxa de crescimento considerável em apenas um semestre, mostrando que muito em breve novos recordes poderão ser batidos.

(Crunchyroll/Reprodução)(Crunchyroll/Reprodução)Fonte:  Crunchyroll 

Por meio de seu site oficial, o Crunchyroll celebrou o acontecimento com o público, reforçando, por meio de uma nota oficial, que o streaming está disponível em mais de 200 países no mundo todo.

“É uma honra poder conectar tantas pessoas às histórias e à arte que lhes interessa. Essa grande conquista só é possível por conta da incrível comunidade de fãs de animes que nos apoia assiduamente”, escreveram.

Crunchyroll: saiba mais sobre o streaming de animes

Fundado em 2006, inicialmente o Crunchyroll consistia em um site que transmitia conteúdo não licenciado, fomentado por meio de fansubs — grupo de fãs que se dedicam a criar acessos a diversos animes por meio da criação de legendas, sem fins lucrativos.

Contudo, ao longo do tempo, a profissionalização atingiu os desenvolvedores e, a partir de 2009, começaram a oferecer apenas conteúdos autorizados aos usuários, chegando à marca de mil séries de anime em seu primeiro ano. Aos poucos, a plataforma vem se posicionando no mercado de distribuição de séries japonesas, se infiltrando também no lançamento de conteúdo original.

Nesse sentido, Fena: Pirate Princess deverá ser uma das primeiras produções da marca, com lançamento previsto para ainda este ano. Apesar de pertencer à WarnerMedia desde 2018, os executivos anunciaram que a Sony estaria comprando a companhia em 2020 por cerca de US$ 1,1 bi (por volta de R$ 5,75 bi).

Você já é um assinante do Crunchyroll?