John Wick: série The Continental tem novos detalhes revelados; veja!

Imagem de: John Wick: série The Continental tem novos detalhes revelados; veja!
Imagem: Lionsgate/Reprodução

A tão aguardada série spin-off da franquia John Wick está prestes a começar seus trabalhos práticos de produção. Em entrevista recente ao Deadline, Kevin Beggs, presidente da Lionsgate Television, revelou alguns novos detalhes importantes sobre o projeto.

Segundo ele, na trama, ao invés da participação do personagem de Keanu Reeves, o público acompanhará o passado de Winston (vivido nos filmes por Ian McShane) no comando do misterioso hotel.

“A equipe criativa da série resolveu muitos problemas [relacionados à trama] e ficamos muito empolgados com a possibilidade de assistir uma Nova York nos anos 1970”, explicou Beggs.

“Temos uma greve de lixo, a máfia se intrometendo nesse negócio e outras coisas que são muito verossímeis como pano de fundo para explorar as origens do The Continental”, revelou durante a entrevista, reconhecendo ainda a grandiosa importância do local para a construção narrativa da franquia cinematográfica.

(Lionsgate Television/Reprodução)(Lionsgate Television/Reprodução)Fonte:  Lionsgate Television 

The Continental: saiba mais sobre a série derivada de John Wick

De acordo com informações fornecidas por Kevin Beggs ainda na entrevista, nem Ian McShane ou Keanu Reeves vão integrar o elenco da série, mas é possível que ambos façam pequenas participações como narradores da história.

No entanto, ao que tudo indica, Reeves está envolvido com a produção executiva do projeto.

Um dos principais objetivos da spin-off é poder delinear ainda mais a mitologia apresentada nos filmes. Dessa maneira, a série vai explorar a ascensão de Winston ao poder e terá um formato diferente de outros projetos seriados.

“O Starz é um grande parceiro para essa jornada. Eles [os produtores da emissora] têm sido grandes colaboradores”, ressaltou. “Na 1ª temporada, apresentaremos três eventos especiais em um tempo de 90 minutos, o que pode ser interpretado como uma minissérie de eventos”, concluiu.