Locke and Key: tudo sobre a série baseada em famosa HQ de terror

Imagem de: Locke and Key: tudo sobre a série baseada em famosa HQ de terror
Imagem: IMDb/Reprodução

Joe Hill é um dos grandes nomes do terror na atualidade. Com uma capacidade ímpar de criar narrativas densas que misturam muito bem o drama de seus personagens com elementos fantásticos, suas obras são fáceis e agradáveis de serem lidas. Também por isso, ele é um autor que tem ganhado cada vez mais adaptações, como aconteceu com o filme Amaldiçoado e as séries NOS4A2 e Locke & Key.

Essa última é baseada em uma HQ feita em parceria com o ilustrador Gabriel Rodriguez. Publicada entre fevereiro de 2008 e dezembro de 2013, as HQs foram indicadas a diversos prêmios, e Joe Hill venceu o Eisner Award de 2011 de Melhor Roteirista, enquanto o arco Keys to the Kingdom venceu o British Fantasy Award de 2012 de Melhor Graphic Novel.

Sobre o que fala

Chaves levam a outras dimensões, mas qual o custo disso?Chaves levam a outras dimensões, mas qual é o custo disso?Fonte:  IMDb/Reprodução 

Locke & Key é uma série narrada em três atos, cada um com dois arcos: Welcome to Lovecraft, Head Games, Crown of Shadows, Keys to the Kingdom, Clockworks e Alpha & Omega. Eles contam a história da família Locke, cujo pai, Rendell, é brutalmente assassinado; em respeito a um grande desejo, a família decide se mudar para sua antiga casa.

Lá, cada um deles lida com o luto à própria maneira. A viúva Nina se afunda no álcool enquanto Tyler, o filho mais velho, fecha-se para tentar lidar com a falta do pai. A filha do meio, Kinsey, muda o visual; e Bode, o caçula, aventura-se pela nova casa para descobrir o que tem por lá.

E é assim que ele descobre uma estranha chave que permite entrar em um portal para outra dimensão, o que faz que ele ganhe poderes sobrenaturais. Obviamente, esses poderes não vêm de graça; ao utilizar a chave, ele libera um demônio que estava aprisionado nela. Agora, um antigo inimigo, que está ligado com o assassinato do pai, ressurge e vai fazer de tudo para conseguir seus poderes de volta.

A adaptação

A Netflix anunciou que estava adquirindo os direitos de Locke & Key em 2018; porém, muito antes disso, uma adaptação já era discutida. A primeira conversa aconteceu em 2010, quando a Dimension Films encomendou um piloto produzido por John Davis. Pouco tempo depois, ainda em 2010, os direitos passaram para a Dreamworks, que pretendia deixar a série sob a responsabilidade de Alex Kurtzman (Star Trek: Discovery) e Roberto Orci (Star Trek: Sem Fronteiras).

Novamente a produção não avançou, então foi a vez de a FOX encomendar um piloto para uma adaptação que teria a produção de Steven Spielberg. O episódio chegou a ser exibido na San Diego Comic-Con, mas, mesmo sendo bem recebido, foi descartado pela FOX.

Em 2014, a Universal entrou no jogo para tentar comprar os direitos para uma adaptação para os cinemas. Kurtzman e Orci retornaram como produtores, mas o estúdio abandonou o projeto alguns meses depois. Por conta disso, Hill decidiu escrever ele mesmo um roteiro para apresentar ao Hulu.

Em 2017, o serviço de streaming encomendou um piloto que conseguiu evoluir, porém foi abandonado novamente. Dessa vez, quem apareceu para salvar a adaptação foi a Netflix, que adquiriu os direitos da HQ, solicitou que o piloto fosse regravado, substituindo alguns atores; assim, a série foi oficializada, com a 1ª temporada chegando ao catálogo em fevereiro de 2020.

Série ou HQ?

A mansão Locke.A mansão Locke.Fonte:  IMDb/Reprodução 

Quem já leu as HQs certamente vai aproveitar a série, pois, além de atualizar as histórias originais, existem algumas mudanças na condução da narrativa. Apesar disso, a equipe criativa por trás da adaptação garantiu que vai se manter fiel aos acontecimentos das HQs.

O objetivo é garantir que o público que leu e gostou das histórias em quadrinhos se interesse pela série, e vice-versa. A Netflix já confirmou uma 2ª temporada, que até o momento não tem data de lançamento na plataforma.

Na série, Darby Stanchfield é responsável por interpretar Nina, e Jackson Robert Scott, Connor Jessup e Emilia Jones dão vida aos três irmãos. Michael Morris (Better Call Saul), Vincenzo Natali (Hannibal), Tim Southam (Perdidos no Espaço), Mark Tonderai (Gotham) e Dawn Wilkinson (How to Get Away with Murder) dirigem, cada, 2 episódios da 1ª temporada.