A Microsoft anunciou ontem (9) que fará uma reestruturação no seu quadro de funcionários, uma medida que vai impactar na demissão de 7,8 mil colaboradores – o que representa um corte de 6% do pessoal da empresa. A divisão mais afetada será a de mobile, o que deve resultar diretamente na adoção de novas estratégias por parte da empresa.

Os cortes serão globais, o que deve incluir também o Brasil, mas a cidade mais impactada é a de Salo, na Finlândia. Estima-se que pelo menos 2,3 mil postos de trabalho sejam cortados por lá. Em 2012, outros mil funcionários da fábrica já haviam sido dispensados. O impacto na economia local será significativo, uma vez que a cidade vivia em torno da principal companhia da região.

Desde a compra da divisão mobile da Nokia, a Microsoft tem conduzido uma série de cortes de pessoal e readequação de funções para tentar minimizar os prejuízos herdados da empresa finlandesa. Mesmo com as medidas, neste ano a companhia norte-americana terá que cobrir mais de US$ 7,6 bilhões em perdas decorrentes da aquisição da Nokia.

Cupons de desconto TecMundo: