Executivo ficará onde está e não falar de futuro (Fonte da imagem: Reprodução/Business Insider)

As especulações sobre quem deve assumir o trono na Microsoft no ano que vem tinham como maior candidato de fora da companhia Alan Mulally, atual CEO da montadora norte-americana Ford. Ele é bastante famoso nos EUA e tem como marco em sua carreira o fato de ter conseguido tirar sua atual empregadora do buraco em meados da década passada. Agora, entretanto, Mulally parece não ser mais a bola da vez dos especuladores, já que ele próprio e acionistas da Ford têm afirmado que não há planos para a partida do CEO para a Microsoft.

“Alan vai ficar na Ford para além de 2014 e isso é tudo o que eu sei”, comentou o bisneto de Henry Ford, fundador da montadora. O próprio Alan deu entrevistas afirmando a mesma coisa, mas também não quis comentar qualquer questão sobre seu futuro profissional para além desse período indeterminado pelo qual permanecerá na Ford com o Bloomberg.

Com isso, o nome de Mulally praticamente sai da lista de possíveis sucessores de Steve Ballmer como CEO da Microsoft. Ainda assim, há quem acredite que ele permanece um candidato. Fora ele, Satya Nadella (o vice-presidente dos serviços de nuvem da Microsoft), Tony Bates (ex-CEO do Skype) e Stephen Elop, o atual líder da Nokia, são os principais nomes para suceder Ballmer. Ainda assim, há relatos de que Bates seria a escolha preferida da empresa até o momento. Nada disso foi confirmado, entretanto.

Cupons de desconto TecMundo: