Tablet da empresa não teve sucesso até agora. (Fonte da imagem: Divulgação/Microsoft)

A Microsoft anunciou os resultados de suas contas do último trimestre fiscal, registrando um lucro de US$ 4,87 bilhões no período. A receita total da empresa chegou a US$ 19,9 bilhões, abaixo dos U$ 20,74 bilhões esperados pelos acionistas. Para explicar a perda, a criadora do Windows revelou um prejuízo de US$ 900 milhões por conta do Surface RT, que não se saiu bem nas vendas nos últimos meses.

O primeiro computador lançado pela fabricante contou com grandes campanhas de marketing, mas o fato de o Windows RT limitar boa parte das funcionalidades do sistema tradicional, além de ter um desempenho ruim, assustou os consumidores. Ainda assim, a marca pretende lançar uma segunda geração do produto.

Lucros por divisões

A Microsoft se divide em cinco grandes setores semi-independentes que trabalham com abordagens diferentes na companhia. Dois deles apresentaram perdas, sendo um caso de mais de US$ 300 milhões, mas no fim das contas, a empresa como um todo ainda ganhou US$ 4,87 bilhões, destinando US$ 0,59 em dividendos para cada ação.

(Fonte da imagem: Reprodução/TechCrunch)

Confira os resultados de cada setor da Microsoft:

  • Divisão Windows: US$ 1,09 bilhões em lucro de uma receita de US$ 4,41 bilhões;
  • Divisão de Servidores e Ferramentas: US$ 2,33 bilhões em lucro de uma receita de US$ 5,5 bilhões;
  • Divisão de Serviços online: US$ 372 milhões em prejuízos de uma receita de US$ 800 milhões;
  • Divisão Empresarial: US$ 4,87 bilhões em lucro de uma receita de US$ 7,2 bilhões;
  • Divisão de entretenimento e hardware: US$ 110 milhões em prejuízo de uma receita de US$ 1,9 bilhões.

Apesar de dois setores ainda apresentarem perdas, ambos reduziram esses prejuízos se comparados aos trimestres anteriores. A divisão de serviços online inclui aplicação que funcionam na nuvem, como serviços de email e outros tipos de comunicação. A de entretenimento inclui o Surface, o Xbox e outros.

Cupons de desconto TecMundo: