(Fonte da imagem: iStock)

Enquanto Edward Snowden libera cada vez mais documentos relacionados aos planos de espionagem virtual dos Estados Unidos, as empresas de tecnologia tentam se isentar de responsabilidade no caso. A Microsoft, porém, foi implicada por, segundo denúncias, facilitar o acesso do governo americano aos serviços Outlook.com, Skype e SkyDrive.

Aqui, não se trata de entrega de dados. Em vez disso, a empresa teria facilitado a ação da NSA na quebra de dados encriptados do serviço de email antes mesmo de ele entrar em funcionamento. Além disso, o acesso às conversas do Skype e dados de SkyDrive também teria contado com uma ajudinha da Microsoft.

Em comunicado oficial, a companhia negou a informação, afirmando que apenas dá acesso aos dados de seus usuários após notificações judiciais.

Cupons de desconto TecMundo: