A internet não para de evoluir e muitas empresas estão correndo atrás deste público e mercado consumidor, apostando em inovações e tecnologias que sejam atrativas para os usuários da rede mundial. Essa corrida em busca de melhorias torna-se evidente especialmente com relação à ferramenta fundamental para o acesso a internet: o navegador.

A guerra dos navegadores em busca de sua fatia de mercado já foi tema para vários debates e especulações. Os desenvolvedores tentam cada vez mais oferecer atrativos relacionados, especialmente, à performance e à segurança. Embora seja o navegador mais utilizado pelos usuários, o Internet Explorer tem deixado um pouco a desejar em comparação aos seus atuais concorrentes.

A tradicional logo do Internet ExplorerEntretanto, dia 18 de novembro, durante o segundo dia da “Professional Developers Conference”, a Microsoft demonstrou uma versão de testes do IE 9. Embora a apresentação não tenha dado ênfase à interface do navegador nem se haverá mudanças significativas nela, muito foi demonstrado com relação ao motor (“engine”) do futuro novo browser da Microsoft.

A Microsoft continuará utilizando o Trident como motor, desmentindo rumores de que talvez fosse adotado o WebKit (motor dos navegadores Safari e Google Chrome) - porém o objetivo é aperfeiçoar cada vez mais o Trident. A Microsoft aposta no IE9 como seu novo gigante no mundo dos navegadores.

Melhorar para  fidelizar

Uma coisa é fato: a Microsoft já havia feito grandes melhorias no IE8 quando comparado com as versões anteriores do navegador e, ao que parece, pretende fazer realmente bonito para a futura versão do browser. O time de desenvolvimento do IE procurou focar seus esforços para melhorar o Trident aproveitando a evolução ocorrida no mundo da tecnologia.

Assim, a empresa procurou fazer com que as capacidades e vantagens presentes no Windows (especialmente na nova versão) fossem aproveitadas ao máximo. Outra premissa utilizada é que os computadores estão cada vez dotados de mais recursos e que estes também poderiam ser empregados para otimizar o desempenho do navegador.

Quais são as novidades da futura nova versão?

Os principais objetivos que a Microsoft buscou atender para a nova versão de seu navegador foram melhorias com relação a segurança e performance e ao mesmo tempo torná-lo mais compatível com a tecnologia e padrões adotados pela internet.

Isso posto, duas das principais novidades do IE9 são o suporte para HTML 5 e CSS3. Segundo o time de desenvolvimento, a equipe tem trabalhado nesta nova versão há apenas três semanas, e no estado atual, o IE9 atingiu 32 (dos 100) pontos do teste Acid3 (que verifica como o navegador se saí com CSS3).

Desempenho do Acid3 obtido pelo IE9

Fonte: The Windows Internet Explorer Weblog

Ao invés de utilizar o GDI (“Graphical Device Interface”), pretende-se empregar a aceleração via hardware 2D do DirectX. O Direct 2D possui, de uma forma geral, um desempenho mais otimizado para elementos gráficos, o que faz com que quando o navegador venha a precisar carregar gráficos e animações, isso seja feito de forma mais rápida.

O Direct 2D também possui uma tecnologia que permite suavização de texto quando aparece na tela, de forma que será menos cansativo ler no navegador. Adicionalmente, o IE9 vai utilizar a GPU para acelerar a renderização das páginas, recurso que pode ser aplicado para carregar elementos em CSS, DHTML e JavaScript.

Suporte para bordas arredondadas

Fonte: The Windows Internet Explorer Weblog

É impossível negar como a internet utiliza comandos em JavaScript e esse é outro aspecto que a Microsoft vai melhorar no IE9. Embora o time de desenvolvimento não tenha apontado muitos fatores neste aspecto, eles prometem melhorar a arquitetura utilizada para interpretação de JavaScript, melhorando expressivamente o processamento da linguagem pelo navegador.

Inclusive, em um dos vídeos publicados pelo “Channel 9”, John Montgomery, um dos líderes de desenvolvimento do time do IE no quesito compatibilidade com feramentas da internet, mostra resultados (melhores) obtidos no teste SunSpider para a velocidade de JavaScript.

Resultados do teste de velocidade SunSpider para o IE9

Fonte: The Windows Internet Explorer Weblog

Fidelizar para conquistar

É impossível negar que os usuários buscam essencialmente velocidade e segurança nos navegadores. Ao menos de acordo com as impressões passadas pelo time de desenvolvimento do IE, estas são algumas das grandes apostas para a próxima versão do browser.

Como resultado, a Microsoft espera que todas essas melhorias venham a reconquistar os usuários do IE que acabaram optando por um navegador da concorrência (visto que perderam uma boa fatia de seu mercado para o Firefox recentemente), além de agradar a cada vez mais pessoas.

Por ora, a Microsoft ainda não anunciou oficialmente quando a versão do Internet Explorer 9 estará disponível para o público, mas certamente a notícia do desenvolvimento com as novidades que serão implementadas já é algo muito interessante para os fãs deste navegador.

Agora é sua vez! Conte-nos o que achou das futuras novidades que vão compor a próxima versão do navegador da Microsoft.

Cupons de desconto TecMundo: