Silenciosamente, a Microsoft deu fim ao Zune, seu MP3 player. A confirmação está na página de suporte do site, onde a empresa divulgou uma pequena nota. A mensagem diz que “o foco da estratégia de música e vídeo móvel agora está no Windows Phone”, e que “não serão mais produzidos Zune players”.

Que o Zune estava com os dias contados, todos nós já sabíamos. Criado em 2006 para concorrer com o iPod, o aparelho MP3 da Microsoft nunca chegou a fazer sombra ao seu rival. Apesar de a segunda geração do aparelho (Zune HD) não fazer feio frente ao player da Apple, a reação foi tardia e não surtiu o efeito esperado pela empresa.

Zune: vida curta, mas amplo legado (Fonte da imagem: Divulgação)

Mas somente o player é que deixará de existir. Com a nova estratégia adotada pela Microsoft, a marca Zune será mantida e o software para reproduzir músicas juntamente com os serviços para Windows Phone, Xbox e Windows vão continuar a fazer parte do portfólio da empresa.

O Zune deixará um legado sem precedentes para Microsoft. Ele foi o precursor da interface Metro, desenvolvida para o aparelho e adotada pelo Windows Phone 7 e agora também pelo Windows 8.

Cupons de desconto TecMundo: