Twitter diz que Elon Musk desistiu da compra por causa da Tesla

1 min de leitura
Imagem de: Twitter diz que Elon Musk desistiu da compra por causa da Tesla
Imagem: Steve Jurvedson/Flickr
Avatar do autor

Depois de processar Elon Musk na terça-feira (12) por encerrar unilateralmente sua proposta de aquisição da plataforma, o Twitter acusou o bilionário de estar usando desculpas para não assumir suas obrigações assumidas, unicamente porque as ações da Tesla, também de propriedade do empresário, despencaram desde que ele propôs comprar o Passarinho Azul por US$ 44 bilhões.

De fato, desde que o Twitter aceitou a proposta de aquisição de Musk no dia 25 de abril, com o preço fixado em US$ 54,20 por ação, os papéis da Tesla já caíram mais de 30%, seguindo uma tendência de queda das principais empresas de tecnologia nas bolsas norte-americanas. De US$ 998,02 – valor no dia da compra do Twitter – a ação fechou ontem cotada a US$ 698,28.

Fonte: Shutterstock/Reprodução.Fonte: Shutterstock/Reprodução.Fonte:  Shutterstock 

O que dizem os advogados do Twitter no processo?

Visto pelo Insider, o processo apresentado pelo Twitter em um tribunal de Delaware, nos EUA, apresenta nas suas alegações iniciais a informação de a riqueza pessoal de Elon Musk caiu significativamente em razão da derrocada das ações da Tesla. Em valores monetários, diz o site, o patrimônio líquido do empresário pode ter sofrido uma queda de US$ 65 bilhões (R$ 352 bilhões).

De acordo com o processo, "Musk quer sair. Em vez de arcar com o custo da desaceleração do mercado, como exige o acordo de fusão, Musk quer transferi-lo para os acionistas do Twitter". De acordo com o serviço de microblog, o bilionário começou a desqualificar o acordo desde que o mercado de ações começou a mudar, além de violar diversas cláusulas seguidamente.

Musk insiste na tese de que quer encerrar o acordo porque o Twitter não lhe forneceu dados suficientes sobre contas de bots na plataforma, mas a empresa garante que “se dobrou” para fornecê-las.

News de tecnologia e negócios Deixe seu melhor e-mail e welcome to the jungle.

Fontes