Novos modelos de passaporte e identidade antifraude são lançados

1 min de leitura
Imagem de: Novos modelos de passaporte e identidade antifraude são lançados
Imagem: Twitter/Polícia Federal

O governo federal apresentou na segunda-feira (27) o novo modelo de passaporte que será adotado pelo país, incluindo mudanças no design e melhorias de segurança. No mesmo evento, também foram entregues as primeiras unidades da Carteira de Identidade Nacional (CIN).

Mantendo o brasão da República na capa, a nova versão do passaporte brasileiro homenageia os estados com vários ícones representativos da cultura e dos biomas de cada região nas páginas. Os fundos invisíveis fluorescentes são outro destaque, com sete composições diferentes, para reduzir os riscos de falsificação.

Há ainda mudanças na página de identificação, incluindo uma imagem formada pelos dados biométricos do usuário, protegida por um laminado de segurança, além de mais novidades. A tecnologia antifraude do documento internacional de viagem foi desenvolvida pela Casa da Moeda, a Polícia Federal e o Ministério das Relações Exteriores.

De acordo com o governo, o novo passaporte poderá ser emitido a partir de setembro, em comemoração aos 200 anos da independência do Brasil, e continuará tendo validade de 10 anos. O que também não muda é o valor para tirar o documento, mantido em R$ 257,25.

Nova carteira de identidade

Anunciado em fevereiro, o novo modelo de carteira de identidade vai substituir o tradicional Registro Geral (RG), passando a utilizar o número do Cadastro de Pessoa Física (CPF) como identificação única. Outro diferencial é a presença de um QR Code, que permitirá confirmar a autenticidade e o portador do documento.

Com previsão de emissão a partir do dia 4 de agosto em alguns estados, a CIN terá o mesmo modelo em todo o país, independente do estado em que for emitida, contando com uma versão física e outra digital, ambas gratuitas quando tiradas na primeira via.

Nova Carteira de Identidade Nacional.Nova Carteira de Identidade Nacional.Fonte:  Governo Federal/Divulgação 

É importante ressaltar que o modelo atual da identidade continuará válido por até 10 anos para quem até 60 anos, contando com prazo indeterminado para pessoas com mais de 60 anos.

News de tecnologia e negócios Deixe seu melhor e-mail e welcome to the jungle.
Você sabia que o TecMundo está no Facebook, Instagram, Telegram, TikTok, Twitter e no Whatsapp? Siga-nos por lá.