Conheça o ativo digital queridinho de Elon Musk e outros bilionários

5 min de leitura
Patrocinado
Imagem de: Conheça o ativo digital queridinho de Elon Musk e outros bilionários
Avatar do autor

Equipe TecMundo

via nexperts

Elon Musk é uma personalidade conhecida por diversos fatores. Além de ser o fundador de grandes empresas, como Tesla e SpaceX, o bilionário também é lembrado por suas opiniões nada convencionais dadas nas redes sociais.

Uma que chamou atenção do mercado financeiro e entusiastas das criptomoedas foi o tweet abaixo, em que ele simplesmente diz: “Não desafie o DeFi”. Também conhecido por sua fortuna gigantesca, as pessoas logo começaram a tentar entender qual seria o significado dessa “dica” e como isso poderia ajudá-las a enriquecer também.

defi(Fonte: Twitter)

O que é DeFi?

“DeFi” é uma sigla em inglês para finanças descentralizadas (“decentralized finance”). Trata-se de um segmento que visa acabar com os agentes centralizadores, como bancos e outras instituições, e conferir mais liberdade para que as pessoas possam realizar as suas negociações através de meios como o blockchain — a tecnologia por trás das criptomoedas.

Como aparentemente Elon Musk está apostando nesse novo modelo de economia, muitas pessoas também estão enxergando no DeFi uma oportunidade de fazer dinheiro. Estamos falando especificamente das moedas digitais que passarão a existir (ou já existem) dentro desse ecossistema e que contam com um grande potencial de valorização nos próximos meses.

Há profissionais que acreditam ser possível transformar um investimento de R$ 1 mil em lucros na casa dos R$ 50 mil. E tudo isso em apenas 12 meses.

Lembre-se dos riscos

defiSempre é bom lembrar de que qualquer investimento tem riscos e, quanto maior o potencial de retorno, maiores eles são. (Fonte: Unsplash/Reprodução)

Mas antes de avançarmos na explicação de como isso é possível, é importante lembrarmos do risco inerente a qualquer tipo de investimento. Se mesmo as modalidades mais conservadoras têm certos riscos, quanto mais as opções que oferecem possibilidade de grandes retornos financeiros.

Afinal, existe um jargão conhecido no meio financeiro que afirma que quanto maior for o risco de um investimento, maior deverá ser o seu retorno esperado. Ou, colocando em outras palavras, quanto maior o retorno esperado de um investimento, maior será o seu risco.

Por essa razão, quando for investir em qualquer modalidade procure sempre analisar o retorno e o risco de forma conjunta. Especialmente naquelas opções que oferecem uma rentabilidade acima de outras formas de investimento.

Por que as moedas DeFi podem valer tanto?

Essa é uma pergunta genuína e importante a ser feita, especialmente porque há muitas promessas de enriquecimento fácil envolvendo as criptomoedas. Por que, afinal, não considerar opções mais robustas e que estejam bem estabelecidas, como o bitcoin e outros ativos digitais?

Existe uma analogia simples que ajuda a explicar o potencial das moedas DeFi.

Pense nas ações de uma empresa grande que já esteja listada na Bolsa de Valores brasileira (B3). A Vale, por exemplo, cujo código da ação é VALE3, é uma das maiores e mais importantes organizações presentes na B3.

O seu valor de mercado é de cerca de R$ 345 bilhões atualmente. Para que a empresa pudesse valorizar 100% — e consequentemente o seu investimento também —, seria necessário que a Vale atingisse o patamar de R$ 690 bilhões em valor de mercado. Isso não é impossível de acontecer, mas é bastante improvável já que estamos falando de uma quantia gigantesca de dinheiro.

Porém, pense em uma organização cujo valor de mercado ainda não esteja tão alto e que esteja sendo avaliada em R$ 1 bilhão (bem abaixo da Vale, por exemplo). Para que essa empresa se valorize em 100% — dobrando o dinheiro dos investidores —, o seu valor de mercado precisaria atingir “apenas” R$ 2 bilhões.

Ainda é muito dinheiro, mas representa um valor ínfimo comparado ao que seria necessário para a Vale valorizar 100%. Percebe aonde queremos chegar?

Potencial de valorização

defiOutros criptoativos têm potencial de valorização, assim como o Bitcoin teve inicialmente . (Fonte: Unsplash/Reprodução)

O potencial de valorização das microcoins — nome dado a essas moedas “escondidas” do ecossistema cripto — é gigantesco. Ativos digitais que valem atualmente alguns centavos de dólar podem rapidamente multiplicar o seu valor e transformar qualquer pessoa em um milionário em pouco tempo. E tudo isso com um investimento relativamente baixo.

Existe até mesmo uma lista seleta dessas microcoins que estão sendo garimpadas neste exato momento por especialistas do segmento. É verdade que alguns desses ativos digitais valem apenas alguns centavos e continuarão valendo isso no futuro. Entretanto, algumas opções vão se valorizar e valer dezenas ou até mesmo centenas de dólares, o que já seria o suficiente para provocar uma revolução na carteira de investidores que estiverem bem-posicionados.

Muito além de Elon Musk

defiQue tal participar de uma reunião e receber em primeira mão a lista das microcoins que mais devem valorizar? (Fonte: Unsplash/Reprodução)

Não é apenas Elon Musk que está de olho nas moedas DeFi e no potencial desse mercado. Para Mark Cuban, um dos mentores do programa de empreendedorismo Shark Tank, investir em DeFi agora é como investir na internet em seus primórdios, ou seja, uma chance de se expor a lucros exorbitantes. O figurão tem propriedade para falar: ele conseguiu alguns de seus bilhões investindo na internet no começo dos anos 2000.

Outros bilionários como Tim Draper, o investidor de venture capital que apostou na Tesla, e Peter Thiel, cofundador do PayPal, também estão movimentando dinheiro rumo às finanças descentralizadas. O ex-CEO do Twitter, Jack Dorsey, vai mais longe e quer criar uma plataforma para levar o DeFi à rede do bitcoin, tornando essas criptomoedas mais conhecidas.

Mas como fazer como esses investidores bilionários e surfar na onda das microcoins DeFi e seu potencial gigantesco de valorização?

Especialistas prontos para ajudar

Vinícius Bazan, Valter Rebelo e Lucca Benedetti compõem o departamento especializado em cripto da Empiricus, a maior casa de análise financeira independente do País. Esses especialistas acreditam tanto no potencial destas microcoins que resolveram promover uma reunião especial para os investidores inscritos nesta seleta lista.

Em 24 de janeiro, às 19h, os três vão revelar o nome de uma de suas apostas gratuitamente: uma criptomoeda que tem o potencial de multiplicar por até 50 vezes o seu investimento em apenas 12 meses. Caso você esteja interessado e queira receber em primeira mão a recomendação de quem entende do assunto, basta apenas se cadastrar gratuitamente através deste link.

News de tecnologia e negócios Deixe seu melhor e-mail e welcome to the jungle.