Amazon amplia programa de educação Future Enginner para a Índia

1 min de leitura
Imagem de: Amazon amplia programa de educação Future Enginner para a Índia
Imagem: Divulgação/Amazon
Avatar do autor

A Amazon anunciou o lançamento de sua iniciativa de educação de ciência da computação, o Future Enginner — Engenheiros do Futuro em tradução livre —, na Índia. Em uma conferência digital, a empresa disse que diversos materiais educativos, bolsas de estudo, estágios e mentores serão oferecidos para ensinar cursos nesta área e temas relacionados, como robótica, inteligência artificial e aprendizado de máquina.

A iniciativa está sendo realizada em parceria com instituições sem fins lucrativos, como a Code.org, e tem como foco indivíduos do ensino fundamental e médio. A companhia espera impactar 100 mil alunos em mais de 900 escolas públicas nos estados de Karnataka, Delhi, Haryana, Maharashtra, Tamil Nadu, Odisha, e Telangana em um ano. Para acessibilidade, o ensino será adaptado às várias línguas regionais da nação.

Ensino sem barreiras

"Enquanto milhões de estudantes ingressam em cursos de ciência da computação anualmente na Índia, alunos de comunidades de baixa renda e sub-representadas contribuem pouco para este número. Existem vários motivos, como baixa exposição às oportunidades de carreira na área, a falta de representantes para inspiração em suas comunidades e a barreira da língua para acesso aos formatos interessantes de currículo. Além disso, escolas do governo possuem recursos limitados para introduzir esta educação", explicou a Amazon.

Segundo o site do programa, o Future Enginner agora opera em 6 regiões: Canadá, Estados Unidos, França, Reino Unido, Alemanha e Índia. "Estamos empolgados em trazer a iniciativa ao país, pois acreditamos que todos os jovens, independentemente de suas histórias, devem ter acesso ao ensino de qualidade da ciência da computação", concluiu Amit Agarwal, CEO da Amazon no território.

Essa não é a primeira vez que a companhia investe na educação deste mercado. Vale ressaltar que a empresa lançou o aplicativo JEE Ready na Índia em 2019 para ajudar alunos a se prepararem para os "vestibulares" dos institutos de tecnologia. O serviço mudou de nome para Amazon Academy e atualmente oferece aulas e simulados online.



News de tecnologia e negócios Deixe seu melhor e-mail e welcome to the jungle.