Rússia multa Google por não apagar conteúdos considerados ilegais

1 min de leitura
Imagem de: Rússia multa Google por não apagar conteúdos considerados ilegais
Imagem: Pixabay
Avatar do autor

Uma corte judicial de Moscou confirmou nesta quinta-feira (19) que a Google terá que pagar uma multa por desrespeitar pedidos feitos pelo governo. A pena é de 14 milhões de rublos, aproximadamente R$ 1 milhão em conversão direta de moeda, sob o veredito de "ofensas administrativas".

Segundo a agência de notícias Reuters, o buscador não teria acatado a ordem de retirar dos resultados uma série de publicações consideradas ilegais. A Google confirmou oficialmente a penalização, mas não comentou o caso.

Jornada contra as Big Tech

Os conteúdos não foram detalhados, mas a Rússia tem agido contra publicações que criticam a prisão de Alexei Navalny, um influente político da oposição no país. Além disso, o governo busca por mais formas de moderação contra temas que envolvam pornografia, drogas e até suicídio.

Facebook e Twitter também já foram alvo de investigações parecidas — a plataforma de microblog até teve a velocidade reduzida na região por não colaborar com as autoridades. A administração de Vladimir Putin recentemente aplicou outra multa na empresa por ela ter se recusado a abrir um escritório ou data center para cuidar dos dados do país.

News de tecnologia e negócios Deixe seu melhor e-mail e welcome to the jungle.

Fontes