Auxílio Emergencial: Governo anuncia prorrogação por mais 3 meses

1 min de leitura
Imagem de: Auxílio Emergencial: Governo anuncia prorrogação por mais 3 meses
Imagem: Marcello Casal Jr./Agência Brasil
Avatar do autor

O Governo Federal anunciou, nesta segunda-feira (5), a prorrogação por mais 3 meses do Auxílio Emergencial 2021. O programa terminaria neste mês de julho, mas, a partir de agora, seguirá até outubro deste ano.

O anúncio foi feito pelo presidente Jair Bolsonaro (sem partido), que se encontrou com o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM) e outros representantes do Executivo e Legislativo para falar sobre a questão.

Em vídeo divulgado pela Secretaria Especial de Comunicação Social da Presidência no Twitter, Bolsonaro explicou que os novos valores serão pagos enquanto os detalhes do novo Bolsa Família seguem sendo discutidos.

No registro, o ministro da Economia, Paulo Guedes, defende que o benefício será importante e que a atividade econômica no país está "voltando a crescer". Apesar de apenas 12% da população brasileira estar completamente imunizada, o ministro parabenizou a "vacinação em massa".

Para quase 40 milhões de brasileiros

O ministro da Cidadania, João Roma, disse que a nova rodada do auxílio emergencial beneficiará quase 40 milhões de brasileiros e que, a partir de novembro, entrará em vigor o novo programa social do governo.

A Secretaria-Geral da Presidência informou também, em nota, que o novo decreto já foi assinado pelo presidente da República e que deve ser publicado no Diário Oficial amanhã (6).

Por enquanto, não se sabe, porém, se os atuais valores pagos aos benefícios do Auxílio Emergencial, que variam entre R$ 150 e R$ 375, serão mantidos ou se sofrerão um reajuste.

News de tecnologia e negócios Deixe seu melhor e-mail e welcome to the jungle.
Auxílio Emergencial: Governo anuncia prorrogação por mais 3 meses