Criptomoedas sofrem queda histórica, mas Dogecoin sobe

1 min de leitura
Imagem de: Criptomoedas sofrem queda histórica, mas Dogecoin sobe
Imagem: CNBC
Avatar do autor

As criptomoedas sofreram uma queda histórica recentemente e ativos como o Bitcoin chegaram a perder cerca de 10% de seu valor em poucas horas, mas nem todo mundo foi afetado. A moeda Dogecoin, que foi criada como uma piada, cresceu durante o pandemônio.

Os ativos que mais sofreram com a baixa generalizada foram moedas consolidadas. Em uma de suas maiores quedas, o Bitcoin perdeu cerca de 10% do seu valor durante a madrugada de hoje (19), caindo de US$ 60.000 para valores na casa dos US$ 51.000.

Bitcoin sofreu queda brusca durante a noite, mas já mostra sinais de recuperação.Bitcoin sofreu queda brusca durante a noite, mas já mostra sinais de recuperação.Fonte:  Trading View 

O Bitcoin SV teve uma queda ainda maior e perdeu cerca de 30% de seu valor em algumas horas. Já o Ethereum, um dos criptoativos mais populares atualmente, viu seu preço de US$ 2.560 cair para montantes na casa dos US$ 2.000.

O motivo para a queda generalizada foi o desligamento de mineradoras na China, o que impactou as transações do Bitcoin e outras criptomoedas. Além disso, as especulações sobre uma nova regulamentação de ativos digitais nos Estados Unidos também colaborou para o clima de instabilidade.

Após quedas, Dogecoin valoriza

Quem saiu ganhando nesse amontoado de quedas foi o Dogecoin, a queridinha de Elon Musk. A moeda criada como um meme teve um acréscimo de aproximadamente 17% no seu valor durante o colapso coletivo do mercado de criptomoedas.

Elon Musk já fez memes com a Dogecoin.Elon Musk já fez memes com a Dogecoin.Fonte:  CoinMarketCap 

A alta vem após a Dogecoin sofrer quedas de até 40% durante o fim de semana. Enquanto a moeda era negociada por US$ 0,23 durante o sábado, o ativo abriu o mercado hoje valendo cerca de US$ 0,30.

Apesar de ser apenas um meme, a subida da Dogecoin pode ser um indicativo de que o mercado ainda está confiante com as criptomoedas. Na manhã desta segunda-feira, inclusive, o Bitcoin já estava sendo comercializado por US$ 57.065, uma recuperação considerável após a queda da madrugada.

News de tecnologia e negócios Deixe seu melhor e-mail e welcome to the jungle.