Apple leva multa por enganar clientes sobre iPhones à prova d'água

1 min de leitura
Imagem de: Apple leva multa por enganar clientes sobre iPhones à prova d'água
Imagem: Apple
Essa não é uma matéria patrocinada. Contudo, o TecMundo pode receber uma comissão das lojas, caso você faça uma compra.
Avatar do autor

Um órgão de fiscalização na Itália multou a Apple em € 10 milhões — cerca de R$ 63 milhões em conversão direta de moeda — por acusações de que a fabricante enganou os consumidores a respeito da impermeabilidade dos iPhones. Segundo o Business Insider, a Autorità Garante della Concorrenza e del Mercato (AGCM), que regula práticas de mercado no país, encontrou duas irregularidades envolvendo a empresa.

A principal acusação envolve materiais publicitários dos celulares, com a empresa alegando que diversas gerações (do iPhone 8 ao iPhone 11) eram resistentes à água a uma profundidade entre um e quatro metros por até 30 minutos, dependendo do modelo. O problema? Isso é válido somente em condições controladas em laboratório, com água parada em um recipiente e em composições diferentes de cenários da vida real — como piscinas ou até na água do mar, por exemplo.

Além disso, os termos de garantia da Apple seriam "enganosos" e não cobriam todos os acidentes envolvendo líquidos, o que teria levado a empresa a recusar o conserto de alguns modelos. Por enquanto, a empresa ainda não comentou o caso.

News de tecnologia e negócios Deixei seu email aqui, e welcome to the Jungle.
Apple leva multa por enganar clientes sobre iPhones à prova d'água