PIX: BC impediu entrada de 218 empresas; PayPal e Alipay de fora

1 min de leitura
Imagem de: PIX: BC impediu entrada de 218 empresas; PayPal e Alipay de fora
Imagem: Agência Brasil
Avatar do autor

Segundo dados divulgados pelo Banco Central do Brasil (BC) nesta quinta-feira (22), a autarquia não deu o seu aval a 218 instituições que solicitaram adesão ao Pix, o novo meio de pagamento eletrônico do Brasil que entrará em funcionamento no próximo dia 16 de novembro.

As recusas representam 22% do total das 980 empresas que solicitaram essa aprovação em junho passado. O BC concedeu autorização a 762 instituições, número que engloba bancos, financeiras, fintechs e instituições de pagamentos, entre outras.

Após sua implantação, o Pix irá oferecer a realização de pagamentos 24 horas por dia, em todos os dias do ano, a um custo operacional mais baixo que o das modalidades hoje existentes no mercado, e a custo zero para pessoas físicas e microempreendedores individuais.

Os recusados

Segundo o BC, as instituições não autorizadas a operar com o novo sistema instantâneo de pagamentos tiveram seus pedidos negados por não serem consideradas aptas a entrarem em operação, ou foram excluídas a pedido das próprias instituições.

Entre as empresas em processo de adesão que tiveram seu pedido negado ou saíram por vontade própria estão alguns nomes de peso como a Alipay Brasil Meio de Pagamento, que funciona como plataforma de pagamentos do grupo chinês Alibaba. Também o Banco XP S.A., a Paypal Brasil e o Banco A J Renner S. A. ficaram de fora.

O processo de adesão de instituições ao Pix para ofertar o novo serviço a partir do seu lançamento, em novembro, se encerrou no dia 16 de outubro de 2020, com a conclusão das etapas cadastral e homologatória. No entanto, será reaberto de forma permanente em 1º de dezembro, segundo o BC.

Em comunicado oficial ao TecMundo, a empresa responsável pelo Alypay esclareceu sua situação:

A Ant Group, empresa que controla o serviço Alipay, efetivamente solicitou seu cadastro ao Banco Central do Brasil para inscrever-se  no sistema Pix. No entanto, por decisão própria, de acordo com sua estratégia de internacionalização, o Ant Group solicitou a retirada de seu pedido ao Banco Central, antes mesmo que este fosse avaliado. A autoridade brasileira, inclusive, reconheceu o pedido de saída do Alipay da lista de instituições candidatas a participar do Pix. Logo, é incorreto afirmar que o Alipay teria tido sua inscrição recusada ou reprovada pelo BC, mas sim a empresa voluntariamente preferiu adiar seu pedido para participar do sistema de meios de pagamentos do Brasil.

News de tecnologia e negócios Deixei seu email aqui, e welcome to the Jungle.

Fontes

PIX: BC impediu entrada de 218 empresas; PayPal e Alipay de fora