Trump confirma estar com covid-19 através do Twitter

1 min de leitura
Imagem de: Trump confirma estar com covid-19 através do Twitter
Imagem: Reprodução
Avatar do autor

O presidente dos Estados Unidos Donald Trump postou, em seu perfil no Twitter, que ele e a primeira-dama, Melania Trump, foram contaminados pelo novo coronavírus. A notícia foi dada no início desta sexta-feira (2), horas depois de a assessora sênior da Casa Branca, Hope Hicks, ter confirmado que tinha testado positivo para covid-19. Sem evidências, Trump sugeriu que Hicks teria sido infectada por abraços de policiais ou militares.

Líderes e autoridades mundiais reagiram ao caso, desejando melhoras ao político e sua esposa. Boris Johnson (primeiro-ministro do Reino Unido), Vladimir Putin (presidente da Rússia), Angela Merkel, (chanceler da Alemanha) e Mike Pence (vice-presidente dos EUA) foram algumas das personalidades a expressarem seus votos.

Isolamento e incerteza

Agora, Trump, que, desde o início da pandemia, expressa publicamente seu ceticismo quanto à gravidade da doença e, com 74 anos, faz parte do grupo de risco, deu início ao isolamento social: "Começaremos nosso processo de quarentena e recuperação imediatamente. Vamos superar isso JUNTOS!", afirmou.

O rastreamento dos contatos do presidente está em andamento, já que outras pessoas nos escalões mais altos do governo dos EUA podem ter sido expostas. A poucas semanas das eleições do país, analistas dizem que ainda é cedo para avaliar se e como a doença do líder americano pode mudar a corrida presidencial.

Como resultado, o mercado de ações amanheceu com instabilidades, sendo que bolsas europeias abriram em queda e o mercado futuro de ações, antes da abertura das bolsas, recuava nos Estados Unidos.

News de tecnologia e negócios Deixei seu email aqui, e welcome to the Jungle.
Trump confirma estar com covid-19 através do Twitter