Galaxy S11 teria baterias de até 5.000 mAh feitas pela LG

1 min de leitura
Imagem de: Galaxy S11 teria baterias de até 5.000 mAh feitas pela LG
Essa não é uma matéria patrocinada. Contudo, o TecMundo pode receber uma comissão das lojas, caso você faça uma compra.
Avatar do autor

A Samsung vai utilizar baterias de uma rival sul-coreana nos dispositivos da família Galaxy S11. Segundo o site The Elec, a subsidiária LG Chem, da LG, vai fornecer as células de energia para os smartphones top de linha da marca em 2020.

A página ainda traz a possível capacidade de armazenamento das baterias: 5.000 mAh para o Galaxy S11+, até 4.500 mAh para o Galaxy S11 tradicional e 3.730 mAh para um eventual Galaxy S11e. O acréscimo aproximado de carga é de 20% em relação à geração anterior.

A quantidade de miliampere-hora precisa ser mais alta que as gerações anteriores para suportar novas tecnologias implementadas — possível caso do 5G e da taxa de atualização de tela de 120 Hz. Por outro lado, o processador e melhorias de tecnologia de tela OLED ajudam a equilibrar o consumo.

Expectativa

A LG já fornecia baterias para a Samsung anteriormente, mas essa será apenas a segunda vez em que seus componentes estarão no aparelho desde o primeiro lote de smartphones — antes, isso só aconteceu no Galaxy Note 10. A LG Chem é atualmente a maior produtora de baterias de íon-lítio do mundo e as peças são fabricadas em Nanjing, na China.

A família Galaxy S11 de smartphones deve ser apresentada em fevereiro do ano que vem, possivelmente na primeira metade do mês — e pouco antes da MWC 2020, maior feira mobile do mundo. O evento acontece entre os dias 24 e 27 de fevereiro em Barcelona, na Espanha.

Cupons de desconto TecMundo:

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Galaxy S11 teria baterias de até 5.000 mAh feitas pela LG