EUA bane Huawei e ZTE de fundo de infraestrutura para telefonia

1 min de leitura
Imagem de: EUA bane Huawei e ZTE de fundo de infraestrutura para telefonia
Essa não é uma matéria patrocinada. Contudo, o TecMundo pode receber uma comissão das lojas, caso você faça uma compra.
Avatar do autor

Na sexta-feira (22), o Federal Communications Commission (FCC) votou de forma unânime pelo banimento de equipamentos da Huawei e ZTE em projetos financiados pelo Fundo de Serviços Universais (USF, na sigla em inglês).

O fundo atende, principalmente, a áreas rurais, distribuindo cerca de US$ 8,5 bilhões por ano, que são coletados por meio de taxas telefônicas, e financiam projetos de banda larga para escolas, bibliotecas, serviços de saúde, além e fornecer descontos para consumidores de baixa renda.

Questão de segurança nacional

Segundo o presidente da FCC, Ajit Pai, a Huawei e a ZTE foram banidas do fundo “devido à sua proximidade com o governo comunista e pelo aparato militar da China”. “Ambas as companhias estão sob leis chinesas, que abertamente as obrigam a cooperar com qualquer pedido dos serviços de inteligência do país e manter este pedido em segredo. Ambas as companhias já se envolveram em condutas como roubo de propriedade intelectual, suborno e corrupção”, completou Pai.

Fonte: eSellerCafé/Reprodução

Pai disse que ter equipamentos das empresas chinesas instalados em redes dos EUA representa risco de infecção por malwares, backdoors, vírus, além de facilitar o roubo de dados de cidadãos e empresas americanas.

O banimento às duas empresas entrará em vigor imediatamente depois que a decisão da FCC for publicada no Federal Register, o Diário Oficial do governo americano.

A FCC ainda deve banir outras empresas que se enquadrarem nas mesmas conndições das já citadas.

Decisão pode impactar a banda larga em áreas rurais

A princípio, o banimento abrange os equipamentos que estavam sendo cobertos por investimentos do USF, além de influenciar em projetos futuros.

No entanto, a FCC já tem um plano para substituir os equipamentos da Huawei e ZTE em projetos já finalizados. Isso significa que toda a infraestrutura já implementada por pequenos provedores de acesso em áreas rurais pode estar comprometida. Com a saída das duas empresas chinesas, várias áreas podem ficar sem conexão.

Para minimizar os possíveis impactos, Pai disse que a FCC vai solicitar a esses provedores que enviem a análise do custo de substituição dos equipamentos, assim como a forma como são utilizados.

Cupons de desconto TecMundo:

Comentários

Conteúdo disponível somente online
EUA bane Huawei e ZTE de fundo de infraestrutura para telefonia