Governo eleva isenção sobre compras trazidas do exterior

1 min de leitura
Imagem de: Governo eleva isenção sobre compras trazidas do exterior
Avatar do autor

O governo de Jair Bolsonaro reforçou nesse último sábado (16/11) que, como já havia anunciado no Diário Oficial da União de 14 de novembro, pessoas no exterior poderão entrar no Brasil por via terrestre, fluvial ou lacustre com bens no valor equivalente a US$ 500, uma elevação no atual limite de isenção de tributação de US$ 300.

Essa nova regulação entrará em vigor a partir do dia 1º de janeiro de 2020 e beneficiará, por exemplo, pessoas cruzando as fronteiras entre Brasil e Paraguai na região de Foz do Iguaçu (PR) carregando itens recém adquiridos.

(Fonte: Combo Iguassu/Reprodução)

Adicionalmente, as compras em free shops, lojas localizades em salas de embarque e desembarque de aeroportos, também serão elevadas dos atuais US$ 500 para US$ 1.000.

Assim, quem viaja internacionalmente pela via aérea, que já conta com o limite de US$ 500, poderá somar os dois limites para um total de isenção de produtos no valor equivalente a até US$ 1.500.

Cupons de desconto TecMundo:

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Governo eleva isenção sobre compras trazidas do exterior