China confia que Brasil escolherá Huawei para liderar 5G no país

1 min de leitura
Imagem de: China confia que Brasil escolherá Huawei para liderar 5G no país
Essa não é uma matéria patrocinada. Contudo, o TecMundo pode receber uma comissão das lojas, caso você faça uma compra.
Avatar do autor

O Brasil deve selecionar em breve qual empresa será a principal responsável por implementar a rede 5G no país — e o próprio governo da China acredita que as chances da fabricante Huawei são altas.

De acordo com a Época Negócios, reuniões entre os presidentes Jair Bolsonaro e Xi Jinping que serão realizadas durante o encontro dos Brics, que acontece nesta semana em Brasília, pode ser determinantes para fechar o negócio.

O embaixador chinês, Yang Wanming, confirmou ao site que a cooperação deve mesmo acontecer. Vale lembrar que o Brasil está bastante atrasado em relação à implementação da quinta geração de conectividade móvel — tanto pela indefinição da empresa responsável quanto nos adiamentos do leilão das frequências pela Anatel, que pode acontecer só no fim de 2020 ou até em 2021.

Mas e os EUA?

Enquanto o Brasil se aproxima da China e fecha acordos comerciais em diferentes setores, a escolha da Huawei é um pouco mais sensível. Isso porque a fabricante, que é a líder mundial em infraestrutura de telecomunicações, está no centro de uma disputa contra os Estados Unidos há meses. A marca é acusada de espionagem a mando do governo chinês.

Como a relação do Brasil com os EUA é bem mais próxima do que a conexão com a China e a guerra comercial ainda não está definida, o país pode ter que esperar um pouco para tomar a decisão — ou causar o desagrado nos aliados.

Cupons de desconto TecMundo:

Comentários

Conteúdo disponível somente online
China confia que Brasil escolherá Huawei para liderar 5G no país