Baidu cresce 3.700% e passa Google no mercado de alto-falantes inteligentes

1 min de leitura
Imagem de: Baidu cresce 3.700% e passa Google no mercado de alto-falantes inteligentes
Avatar do autor

A Google perdeu o segundo lugar no mercado de speakers inteligentes para a Baidu, empresa chinesa que teve crescimento de 3.700% no setor em um ano. Além da ascensão da concorrente asiática, a dona do Android também viu seus números caírem 19,8% em comparação a 2018.

De acordo com o levantamento feito pela Canalys, a Baidu vendeu 4,5 milhões de speakers inteligentes durante o segundo trimestre de 2019, que compreende os meses de abril até junho. Com isso, a companhia garantiu uma participação de mercado de 17,3% e ganhou a medalha de prata no setor, perdendo apenas para a Amazon. Um detalhe interessante é que a firma asiática atua exclusivamente na China.

(Fonte: Google/Divulgação)

A empresa liderada por Jeff Bezos assumiu a ponta do mercado de speakers inteligentes com 6,6 milhões de dispositivos com Alexa vendidos no trimestre. A firma obteve uma fatia de 25,4% do segmento, com crescimento anual de 61,1%.

Competição chinesa

Além de ter perdido o segundo lugar para a Baidu neste trimestre, a crescente competição também fez a Google perder 19,8% de market share em um ano, deixando a liderança do segmento. Com mais de 5,4 milhões de aparelhos vendidos entre abril e junho de 2018, a companhia era a rainha dos speakers inteligentes.

(Fonte: Canalys/Reprodução)

O mercado de speakers conectados está cada vez mais acirrado e a Baidu não é a única firma chinesa que está ganhando espaço. A Alibaba se saiu bem e ficou próxima de passar a Google: a gigante fundada por Jack Ma comercializou 4,1 milhões de dispositivos inteligentes em três meses e obteve uma fatia de 15,8% no setor, quase alcançando os 16,7% da dona do Android.

A Xiaomi também surpreendeu e obteve crescimento anual de 37,5%, com 2,8 milhões de dispositivos inteligentes vendidos no último trimestre.

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Baidu cresce 3.700% e passa Google no mercado de alto-falantes inteligentes