Xiaomi Redmi Note 7 já vendeu 5 milhões de unidades na Índia

1 min de leitura
Imagem de: Xiaomi Redmi Note 7 já vendeu 5 milhões de unidades na Índia
Avatar do autor

A Xiaomi anunciou que sua linha de smartphones Redmi Note 7 está fazendo bastante sucesso em um dos seus principais mercados, a Índia. Segundo uma publicação da companhia no Twitter, os modelos da série já tiveram 5 milhões de unidades compradas no país.

A linha de dispositivos da Xiaomi conta com os modelos Redmi Note 7, Note 7 Pro e Note 7S. Os aparelhos disputam no segmento intermediário, visando entregar uma boa relação entre custo e desempenho. Segundo a fabricante, mais de 15 milhões de dispositivos já foram vendidos mundialmente.

Com o anúncio, a empresa aproveitou o embalo para anunciar que as vendas do Redmi Note 7 Pro também estão abertas na Índia por meio do site oficial da fabricante e em varejistas parceiras. Antes, o dispositivo só podia ser comprado de forma limitada durante eventos semanais.

Por que a Índia é importante para a Xiaomi?

O sucesso em vendas na Índia representa um grande passo para a Xiaomi, já que o mercado é de extrema importância para a companhia. O país sul-asiático é um dos únicos que ainda cresce no setor de smartphones, o que tem feito grandes fabricantes, como a Samsung, darem cada vez mais atenção para os clientes de lá.

Segundo da Strategy Analytics, a Xiaomi é a firma que mais vende celulares na Índia, tendo comercializado mais de 10,2 milhões de dispositivos no país entre abril e junho. Com isso, a empresa chinesa abocanhou quase 29% do mercado no trimestre.

As vendas da Xiaomi estagnaram na Índia, mas o sucesso do Redmi Note 7 pode indicar uma recuperação. (Fonte: Strategy Analytics/Repodução)

A Samsung permaneceu em segundo lugar com uma fatia de aproximadamente 26% do mercado de smartphones, mas registrou um crescimento anual no país, enquanto a Xiaomi permaneceu estagnada em vendas. Nesse cenário, a dona dos Redmi está cada vez mais engajada em manter a fidelidade do público indiano.

Recentemente, a empresa até lançou uma versão exclusiva do modelo K20 Pro feita em ouro para a Índia.

ChipsetQualcomm Snapdragon 660 (SDM660)Qualcomm Snapdragon 675 (SDM675)
Sistema OperacionalAndroid 9.0 PieAndroid 9.0 Pie
Capacidade de Bateria4000 mAh4000 mAh
Tamanho de Tela6,3 polegadas6,3 polegadas
Memória RAM3 GB, 4 GB ou 6 GB4 GB ou 6 GB
Armazenamento Interno32 GB ou 64 GB64 GB ou 128 GB
Câmera Traseira48 MP (f/1.8, 1/2", 0.8µm) + 5 MP (f/2.4)48 MP (f/1.8, 1/2", 0.8µm) + 5 MP (f/2.4)
Câmera Frontal13 MP13 MP
Vídeo1080p@30/60/120fps, (gyro-EIS)2160p@30fps, 1080p@30/60/120fps, (gyro-EIS)
ChipsetQualcomm Snapdragon 660 (SDM660)Qualcomm Snapdragon 675 (SDM675)
Sistema OperacionalAndroid 9.0 PieAndroid 9.0 Pie
Capacidade de Bateria4000 mAh4000 mAh
Tamanho de Tela6,3 polegadas6,3 polegadas
Memória RAM3 GB, 4 GB ou 6 GB4 GB ou 6 GB
Armazenamento Interno32 GB ou 64 GB64 GB ou 128 GB
Câmera Traseira48 MP (f/1.8, 1/2", 0.8µm) + 5 MP (f/2.4)48 MP (f/1.8, 1/2", 0.8µm) + 5 MP (f/2.4)
Câmera Frontal13 MP13 MP
Vídeo1080p@30/60/120fps, (gyro-EIS)2160p@30fps, 1080p@30/60/120fps, (gyro-EIS)

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Veja também
Xiaomi Redmi Note 7 já vendeu 5 milhões de unidades na Índia