Imagem de: MEC promete Enem digital até 2026 com prova por computador já em 2020
Fonte: Agência Brasil/Arquivo

MEC promete Enem digital até 2026 com prova por computador já em 2020

2 min de leitura
Avatar do autor

O Ministério da Educação (MEC) anunciou nesta quarta (3) que a prova do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) será totalmente digital até 2026. A implementação desse novo modelo começará em 2020, com um teste piloto sendo oferecido de forma opcional para os estudantes de 15 capitais. O anúncio foi feito durante entrevista coletiva em Brasília por Alexandre Lopes, novo presidente do Inep, instituto de pesquisas educacionais vinculado ao Ministério da Educação.

De acordo com Lopes, o Enem digital de 2020 poderá ser feito por até 50 mil estudantes que selecionarem essa opção durante a inscrição. O valor será o mesmo da versão tradicional em papel. A estimativa é que o custo total dessa prova-piloto fique em torno de R$ 20 milhões. O governo não pretende comprar novos computadores para o processo, pois isso será de responsabilidade do consórcio contratado para realizar a aplicação.

A transição para o digital será progressiva até que o Enem seja feito totalmente por computador em 2026. Segundo Lopes, a ideia é oferecer diversas aplicações da prova ao longo do ano, permitindo que o aluno escolha a cidade e o dia mais convenientes para realizar o processo seletivo. Caso algum problema de logística aconteça no dia da avaliação, seria possível direcionar as pessoas para uma reaplicação futura.

EnemEnem feito por computador estará disponível em 15 capitais a partir de 2020. (Fonte: Agência Brasil/Marcello Casal Jr.)

Em relação ao formato, a promessa é que ele seja igual ao atual, com 180 questões divididas em quatro áreas do conhecimento e prova de redação, que também será realizada no computador. A diferença é que a nova versão permite que sejam utilizados vídeos, infográficos e até elementos de videogames, segundo Lopes. Outra possível vantagem é a correção mais rápida, com o aluno podendo conferir o resultado no celular.

O Enem digital de 2020 estará disponível nas cidades de São Paulo, Rio de Janeiro, Belém, Belo Horizonte, Brasília, Campo Grande, Curitiba, Cuiabá, Florianópolis, Goiânia, João Pessoa, Manaus, Porto Alegre, Recife e Salvador. Ele será aplicado nos dias 11 e 18 de outubro de 2020.

Presidente não lerá a prova antes da aplicação

Para Abraham Weintraub, ministro da Educação, o objetivo é “começar a transição do Enem para que ele seja feito como provas na Europa e nos Estados Unidos”. Na ocasião, Weintraub também afirmou que o presidente Jair Bolsonaro “não leu e não lerá” a prova antes que ela chegue aos estudantes. “Estamos seguindo o procedimento padrão”, disse o ministro. Apesar disso, ele confirmou que deu instruções para retirada de qualquer “viés ideológico” das provas.

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Veja também
MEC promete Enem digital até 2026 com prova por computador já em 2020