Imagem de: Loja da Xiaomi em SP é autuada pelo Procon

Loja da Xiaomi em SP é autuada pelo Procon

1 min de leitura
Avatar do autor

O Procon-SP autuou a loja da Xiaomi no Brasil, em São Paulo, após a visita de uma equipe no estabelecimento no último dia 19. Na oportunidade, foram encontradas várias características fora do padrão, principalmente no que diz respeito a língua utilizada nas instruções dos produtos.

O Código de Defesa do Consumidor diz que as marcas devem assegurar que as mercadorias apresentem “informações corretas, claras, precisas, ostensivas e em língua portuguesa”, de acordo com o site do Procon-SP.

Na loja da Xiaomi no shopping Ibirapuera os produtos não seguem estas regras e trazem manuais de instrução, informações de seguraça e de uso em língua estrangeira. Além disso, alguns dos produtos não têm informações sobre o importador, ou seja, a empresa responsável pela marca no Brasil  o que também está em desacordo com o Código de Defesa do Consumidor.

Consequências

Por conta das irregularidades o estabelecimento poderá ser multado. Em nota, a DL, responsável pela importação e distribuição dos produtos Xiaomi no Brasil, informou que a loja já está se adequando aos apontamentos do Procon-SP.

Confira na íntegra:

A DL informa que está ciente da fiscalização do PROCON-SP na loja Mi Ibirapuera. Como responsável pela importação e distribuição dos produtos Xioami no Brasil junto aos parceiros comerciais, a empresa informa que os apontamentos feitos pelo órgão já estão em processo final de adequação.

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Veja também
Loja da Xiaomi em SP é autuada pelo Procon