O Nubank anunciou hoje (07) a sua estreia no mercado internacional. A fintech brasileira acaba de começar suas operações no México e deve oferecer serviços financeiros totalmente digitais similares ao que já temos aqui no Brasil. Por lá, o Nubank vai operar por meio de uma filial nomeada simplesmente como “Nu”.

Finalmente estamos dando o próximo passo para levar nossa revolução para novos mercados e temos uma grande oportunidade no México

Segundo David Vélez, cofundador e CEO do Nubank, a empresa já vinha estudando o mercado mexicano há alguns anos para preparar sua estreia por lá. “O Nubank iniciou uma revolução financeira há quase seis anos e mudou para sempre a indústria no Brasil”, disse. “Finalmente estamos dando o próximo passo para levar nossa revolução para novos mercados e temos uma grande oportunidade no México”, completou.

Vélez explicou que o objetivo da empresa brasileira no México é ajudar a democratizar os serviços bancários no país norte-americano. Ao todo, o Mèxico tem mais de 36 milhões de pessoas totalmente “desbancarizados”. Em outras palabras, 28% de toda a população mexicana está totalmente fora do sistema bancário.

Talento local

Além de começar a operar comercialmente no México, o Nubank também pretende abrir um centro de tecnologia, data Science e design no país. A empresa também tem algo semelhante na Alemanha, onde foca no desenvolvimento de infraestrutura e engenharia de dados. “Ficamos impressionados com o nível de talento que existe no México e estamos orgulhosos em fazer um investimento significativo no ecossistema tecnológico mexicano”, revelou Vélez.

O Nubank foi uma das primeiras startups consideradas “unicórnios” (quanto startups atingem valor de mercado de US$ 1 bilhão) em toda a região da América Latina e já arrecadou mais de US$ 420 milhões em uma série de rodadas de investimento.