Microsoft quer popularizar realidade mista tanto quanto cabines de fotos

1 min de leitura
Imagem de: Microsoft quer popularizar realidade mista tanto quanto cabines de fotos
Avatar do autor

Já pensou se interagir por um holograma fosse tão popular como tirar foto em cabines de revelação instantânea? É essa a intenção da Microsoft para o futuro, de acordo com Steve Sullivan, gerente do Mixed Reality Studio - o local onde essas novas experiências vêm sendo desenvolvidas.

As novidades foram levadas à convenção Photonics West deste ano, na qual Sullivan explicou como que funciona o atual sistema de interação e captura 3D. A Microsoft espera que a tecnologia possa servir para que pessoas criem hologramas de seus entes queridos e amigos, como uma nova maneira de preservar a memória e a essência de quem não está fisicamente próximo.

Mixed Reality Studio, da Microsoft. (Foto: TechTrend)

Nos estúdios já existentes no mundo, a empresa grava vídeos holográficos, que incluem pessoas em movimento e performances artísticas. Para o futuro, porém, o foco não é apenas no entretenimento: os ramos da educação e de treinamentos diversos também estão na mira da companhia. Com o conteúdo gravado, os consumidores, clientes ou parceiros poderiam interagir por meio de realidade aumentada, realidade virtual ou em telas 2D comuns.

A intenção é que os estúdios se multipliquem ao longo de 2019 - com modelos mais “sintéticos”, atrativos para universidades e outras empresas tecnológicas, nesse esforço de ultrapassar, ainda mais, as barreiras da realidade.

Cupons de desconto TecMundo:

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Microsoft quer popularizar realidade mista tanto quanto cabines de fotos