Baidu desenvolve abrigo inteligente para proteger gatos de rua do frio

2 min de leitura
Imagem de: Baidu desenvolve abrigo inteligente para proteger gatos de rua do frio
Avatar do autor

Os animais de rua sofrem bastante no frio, especialmente em regiões que nevam e são conhecidas por invernos rigorosos. Pensando especificamente nos gatinhos chineses, a empresa Baidu – famosa pelo buscador de mesmo nome e outras ferramentas de IA – decidiu criar um abrigo bastante interessante e único.

O abrigo oferece água e alimento, e é automaticamente aberto quando o gatinho se aproxima da entrada. A Baidu desenvolveu uma inteligência artificial para verificar o animal de rua e atestar se ele é um gato, só assim a porta é liberada. É isso mesmo, cachorros estão proibidos aqui. É um jeito de proteger os gatos de rua do frio, ao mesmo tempo em que eles ficam longe dos cachorros.

Que ideia foi essa?

Um abrigo para animais que utiliza inteligência artificial não está exatamente entre os principais escopos da Baidu. A empresa disse que a ideia do abrigo inteligente partiu de um funcionário, Wan Xi, que encontrou um pequeno gato escondido em seu carro durante o inverno, e que a partir de então começou a simpatizar pelos gatos de rua. 

Wan iniciou um projeto paralelo utilizando a IA da Baidu para criar o abrigo, até que a própria Baidu endossou a ideia e resolveu transformar o abrigo de gatos em realidade. É válido pontuar que a Badiu está localizada em Beijing, cidade que pode atingir temperaturas negativas extremas no inverno, deixando os animais bem vulneráveis.

Para se ter noção, somente 40% dos gatos de rua sobrevivem ao inverno de Beijing, de acordo com informações da própria Baidu. Com tal contexto em mente, parece que o abrigo inteligente é de fato um bom uso da IA da empresa para proteger os bichinhos do frio. 

Além do scan na entrada do abrigo, as câmeras conseguem analisar o animal e verificar se ele está com alguma doença aparente. Todo o sistema é gerenciado por voluntários que se responsabilizam pela manutenção dos abrigos. Se as câmeras identificam um gato ferido ou doente, o voluntário mais próximo é acionado para ir ao abrigo.

O sistema criado pela Baidu pode identificar mais de 170 espécies de gatos, e as câmeras são equipadas com visão noturna para identificar os animais até no escuro.

A inteligência artificial tem sido cada vez mais utilizada com animais para os mais variados fins, sendo que uma das maiores dificuldades é fazer os bichos olharem para a câmera. Felizmente, no caso do abrigo em questão, os gatos são curiosos e verificam a porta bem próximos, permitindo que o sistema os analise e libere a entrada. Pelo menos em Beijing, nenhum felino vai passar frio no inverno.

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Veja também
Baidu desenvolve abrigo inteligente para proteger gatos de rua do frio