Huawei é acusada de plagiar clipe musical em nova propaganda

1 min de leitura
Imagem de: Huawei é acusada de plagiar clipe musical em nova propaganda
Avatar do autor

A Huawei está sendo acusada de plágio pelo músico neozelandês Nigel Stanford. De acordo com Nigel, ele foi notificado por um fã britânico, que estava numa das lojas da Tesco Extra, no Reino Unido, e viu um vídeo de anúncio num tablet da gigante chinesa. O fã reconheceu as imagens e a música do vídeo e entrou em contato com Nigel, dizendo que um de seus clipes havia sido copiado.

O clipe em questão é o da música “CYMATICS: Science Vs. Music”, onde Nigel fez um extenso trabalho de pesquisa e experimentos em seu apartamento, para determinar como o clipe iria funcionar, já que a música interage com elementos como a água, o fogo e grãos. Cymatics foi lançado originalmente em 2014. O vídeo anúncio do tablet da Huawei só foi publicado no YouTube vários meses depois, mas, após a denúncia de plágio através do Twitter, a empresa deletou o vídeo.

Nigel ficou indignado pelo fato da Huawei ter copiado absolutamente tudo no clipe, e não apenas ter se inspirado nele. Além da música ser parecida, todas as cenas são praticamente idênticas, incluindo as tomadas de câmera, disposição dos objetos e os efeitos de iluminação.

Ele também não procurou a companhia para falar sobre o caso, mas disse que pretende acionar a justiça. Em sua conta no Twitter (figura acima), ele pede ajuda de outras pessoas que venham a ter contato com o tablet MediaPad M3 Lite, que possui o “anúncio plágio”, para que elas o notifiquem e enviem fotos para o seu endereço de email, possivelmente para usá-las como prova num processo.

Comparem as cenas do clipe original com o anúncio do tablet da Huawei

Original

Huawei

Original

Huawei

Original

Huawei

Original

Huawei

Original

Huawei

Ultimamente, tem sido difícil tirar o nome da Huawei da cabeça. Recentemente, a empresa se envolveu em um escândalo, sendo acusada pelos EUA de ter violado as sanções comerciais impostas ao Irã, o que resultou na prisão da CFO da companhia.

A respeito da acusação de plágio, a Huawei ainda não se pronunciou.

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Veja também
Huawei é acusada de plagiar clipe musical em nova propaganda